Pulse

Hackers pedem recompensa por dados roubados da HBO

Roteiros de Game of Thrones e e-mails internos são vazados e hackers ameaçam divulgar “informação danosa” ao canal, se demandas não forem atendidas

Rolling Stone EUA Publicado em 08/08/2017, às 11h44 - Atualizado às 20h20

Tyron Lannister em cena da sétima temporada de Game of Thrones

Ver Galeria
(2 imagens)

Hackers postaram na internet novas informações roubadas da HBO na última segunda, 7, incluindo roteiros de episódios de Game of Thrones, documentos internos potencialmente delicados e e-mails de um executivo respeitado, segundo a AP. Além dos novos vazamentos, foram feitas outras ameaças, com os hackers cobrando milhões de dólares para que novas informações sejam divulgadas.

A AP noticia que os hackers – que atendem por “Mr. Smith” – vazaram cinco roteiros de Game of Thrones, incluindo de um episódio inédito. Os hackers também postaram diversos e-mails de Leslie Cohen, vice-presidente da HBO para programação de filmes, e outros e-mails de comunicações internas do canal.

De acordo com o jornal britânico The Guardian, entre as informações divulgadas também estão os telefones e os endereços de e-mail pessoal de diversos atores de Game of Thrones, detalhes de contratos com astros, ofertas de emprego e processos da empresa. Desta vez, 3,4 gigabytes foram publicados.

Em uma mensagem de vídeo, os hackers exigiram que o chefe executivo Richard Plepler fornecessem a eles “seis meses dos nossos salários em bitcoin” (supostamente um valor equivalente a U$ 6 milhões) para evitar novos vazamentos de roteiros, episódios inéditos de programas do canal e “informações danosas à HBO.”

Ataques como este se tornaram incrivelmente comuns recentemente. O exemplo mais notável foi o de 2014 à Sony, que levou a uma mudança executiva e um arquivo buscável de mais de 30 mil documentos internos que eventualmente apareceram no Wikileaks. Também este ano, os hackers vazaram toda a nova temporada de Orange Is the New Black mais de um mês antes, já que a Netflix não atendeu às demandas. É incerto se as pessoas que vazaram OITNB têm alguma conexão com o ataque de agora.

As informações sobre o primeiro ataque da HBO foram divulgadas em 31 de julho, depois de hackers enviarem e-mails para diversos jornalistas clamando terem obtido 1,5 terabyte de dados do canal. A HBO depois confirmou que um ataque “resultou no comprometimento de informação privada.”