Heath Ledger recusou o papel de Batman antes de ser eternizado como Coringa de Nolan: 'Nunca vou participar de um filme de super-herói'

O diretor ofereceu o papel principal para Ledger, mas o ator preferiu interpretar o vilão do Cavaleiro das Trevas

Redação Publicado em 20/07/2020, às 09h44

None
Heath Ledger em Batman: O Cavaleiro das Trevas (Foto: Reprodução)

Antes de ser eternizado como Coringa nos cinemas, Heath Ledger recusou estrelar a trilogia de Christopher Nolan, como Batman, de acordo com informações do Hindustan Times. Em 2012, o diretor revelou no Lincoln Film Centre que o ator não queria se envolver com uma produção de super-heróis. 

“Ele foi muito gentil, mas disse: ‘Eu nunca vou participar de um filme de super-herói’”, disse o cineasta. 

+++ LEIA MAIS: Coringa: Como foi a preparação física de Heath Ledger para o papel do vilão?

Contudo, Ledger mudou de ideia após ver o primeiro filme de Nolan sobre o vigilante de Gotham. “Eu expliquei para ele o que queria fazer com o Batman Begins e eu acho que ele sentiu que consegui isso”, disse o diretor.

Quando o ator foi escalado no elenco da sequência, Batman: O Cavaleiro das Trevas, a produção nem tinha começado a escrever o roteiro, mas tinha certeza que queria o astro de Hollywood no longa-metragem. 

“Nós colocamos ele no elenco antes mesmo do roteiro ser escrito. Então ele teve muito tempo para ficar obcecado com isso, pensar sobre o que ele estava fazendo, para realmente descobrir isso.”

+++ LEIA MAIS:  Diretor de fotografia de Coringa teve medo que Joaquin Phoenix fosse ‘longe demais’: ‘Por causa de Heath Ledger’

O cineasta ainda lembrou do processo de criação, em que Ledger se sentiu livre para poder escolher armas, testar falas e visuais. 

“Como muitos artistas, ele surpreendia com algo [...] Nós filmamos os testes de cabelo e maquiagem, tentamos visuais diferentes e, nisso, ele começou a se mexer. E nós tivemos essas facas de borracha, ele escolheu qual arma [iria usar] e explorou o movimento do personagem. Nós não estávamos gravando o som, então ele sentiu livre para começar a falar e mostrar algumas coisas do que ele iria fazer”.

Nolanainda comentou que Ledger tinha um ritmo específico de trabalho - e, talvez por isso, ele tenha precisado de tempo para aceitar participar da franquia. 

“Ele não gostava de trabalhar muito [...] Ele gostava de fazer um personagem e, então, parar de trabalhar e deixar muito tempo passar até ficar voraz por isso de novo. E foi isso que aconteceu quando ele chegou, ele estava pronto para fazer algo como aquilo.”


+++ 15 HISTÓRIAS INACREDITÁVEIS (E REAIS) DE OZZY OSBOURNE