A história esquecida de Sr. e Sra. Smith: conheça filme de Hitchcock de 80 anos atrás

Produção é a única comédia romântica na carreira do cineasta

Felipe Grutter (com supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 29/04/2021, às 10h08

None
Cena de Sr. e Sra. Smith, Um Casal do Barulho (Foto: Reprodução/RKO Radio Pictures Inc.)

Com filmes como Psicose (1960) e Um Corpo que Cai (1958), Alfred Hitchcock entrou para história do cinema como um dos maiores diretores de todos os tempos. No entanto, nem toda produção do cineasta foi um grande sucesso, como Sr. e Sra. Smith, Um Casal do Barulho, comédia romântica lançada em 1941.

Um Casal do Barulho foi o terceiro filme de Hitchcock a ser feito nos Estados Unidos - e o primeiro a se passar inteiramente no país. Com roteiro de Norman Krasna, o filme foi estrelado por Carole Lombard (Ann Smith) e Robert Montgomery (David Smith).

+++LEIA MAIS: 9 filmes essenciais para entender Alfred Hitchcock, o Mestre do Suspense [LISTA]

O longa acompanha o casal Smith, juntos há três anos. Porém, descobrem que não estão legalmente casados. A princípio, David não se importou com a notícia. Após briga, Ann se irritou e decidiu não assinar os papéis novamente.

Arrependido, David tenta de tudo para recuperar a esposa, mas ela volta a usar o sobrenome de solteira e passa a se relacionar com outros homens, como o melhor amigo do protagonista.

+++LEIA MAIS: Em 1970, Alfred Hitchcock revelou o ‘ingrediente especial’ para criar um bom suspense

Sr. e Sra. Smith, Um Casal do Barulho foi a única comédia romântica da carreira de Alfred Hitchcock, quem usava humor nos filmes, mas como elemento secundário do roteiro. Segundo o site 50 Anos de Filme, o diretor aceitou fazer o longa após insistência de Carole Lombard, amiga dele e uma das maiores estrelas de Hollywood à época.

Hitchcock decidiu não interferir no roteiro, porque a história se passava em uma região rica de Manhattan - e não estava habituado com os costumes dos Estados Unidos. De acordo com o livro The Films of Alfred Hitchcock, o cineasta apenas dirigiu as cenas escritas por Krasna.

+++LEIA MAIS: Estrela da TV, Eva Wilma relembra teste para filme de Hitchcock: 'Fui para Hollywood no dia seguinte'

Em conversa com o cineasta François Truffaut, Hitchcock comentou sobre o filme. "Nasceu de minha amizade com Carole Lombard. Nessa época ela estava casada com Clark Gable e me perguntou se eu aceitaria fazer um longa com ela," relembrou. "Não sei por que aceitei. Segui mais ou menos o roteiro de NormanKrasna. Como não compreendia o tipo de personagens mostrados no filme, filmava as cenas como estavam escritas."

Sr. e Sra. Smith, Um Casal do Barulho dividiu opiniões. No Rotten Tomatoes, teve 67% de aprovação da crítica e 48% do público.

+++LEIA MAIS: Psicose: como Alfred Hitchcock quebrou as barreiras entre terror e suspense no clássico de 1960?


+++ FBC E VHOOR | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO | ROLLING STONE BRASIL