Holanda faz balada-teste para retomar vida noturna em meio à pandemia

Experimento contou com 50 pessoas selecionadas e monitoradas que agiam normalmente entre as demais como se não houvesse pandemia

Itaici Brunetti | @itaicibrunetti Publicado em 10/03/2021, às 12h04

None
Casa noturna Ziggo Dome em Amsterdã (Foto: reprodução Facebook/ Ziggo Dome)

No último sábado, 8, uma balada-teste foi realizada na cidade de Amsterdã, Holanda, com a permissão do governo, informa o site Folha de S. Paulo

Em meio aos 1.500 participantes com máscaras de proteção contra Covid-19 e restrições de circulação na casa noturna Ziggo Dome, 50 pessoas foram selecionadas para curtir a balada como se não houvesse pandemia; sem máscaras, sem necessidade de distanciamento social e podendo beber, cantar e gritar entre os demais. 

+++LEIA MAIS: Tame Impala faz show lotado na Austrália - sem uso de máscara

Os 50 selecionados faziam parte de seis grupos de pessoas nos quais as autoridades holandesas estão estudando para que as festas e baladas possam voltar à normalidade de forma segura para a saúde de todos. 

As pessoas que participaram da balada-teste não podiam fazer parte do grupo de risco e precisaram fazer testes de Covid-19 no máximo 48 horas antes da festa acontecer, além de terem a temperatura do corpo medida antes de entrarem no recinto. Todos precisarão fazer um segundo teste cinco dias depois da balada. 

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

Durante o evento, os 50 participantes que agiam normalmente eram observados e filmados pelos pesquisadores. Eles usavam etiquetas eletrônicas que registravam os contatos com pessoas, quantos encontros houveram e o quanto durou cada um. Eles também foram obrigados a tomar uma bebida fluorescente, sendo assim, as gotículas que saíam de suas bocas eram rastreadas. 

O experimento foi implantado pelo virologista Andreas Voss, do Centro Médico Universitário Radboud e membro da OMT (equipe de gerenciamento de pandemias da Holanda), junto de várias universidades holandesas. Dois festivais ao ar livre e um concerto serão realizados em breve como parte da pesquisa. 

+++LEIA MAIS: Rock in Rio é adiado para setembro de 2022

O governo da Holanda sente que a pandemia está em um estágio mais controlado no país. Mesmo assim, nos últimos sete dias foram registrados 4.500 novos casos de Covid-19, totalizando 39 mortes. O pico no país aconteceu em dezembro com 11 mil casos, e em abril com 150 mortes. 


+++ HAIKAISS: 'O TRAP TAMBÉM PASSA UMA MENSAGEM CONSCIENTE' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL