Homem-Aranha Miles Morales se sacrifica e morre nas HQs - veja como foi

A linha de histórias ‘The End’ imagina a aventura final de diversos heróis, e o Homem-Aranha de Miles foi um deles

Redação Publicado em 13/01/2020, às 08h56

None
Capa da primeira edição de The End (foto: Marvel Comics)

Miles Morales morreu para salvar o dia nas HQs da Marvel. A morte aconteceu na série de revistas The End, uma sequência de histórias compostas por uma única revista, que imagina a “aventura final” de cada um dos maiores heróis da editora.

Na linha temporal normal do universo Marvel,Miles ainda luta contra o crime como um dos mais jovens e recentes heróis, mas em The End - Miles Morales ele é um idoso. Já tendo passado décadas como o protetor do Brooklyn, o Homem-Aranha transformou o bairro em um dos últimos santuários da humanidade, já que o resto foi dominado por super-germes.

+++LEIA MAIS: 7 maiores atrocidades do Homem de Ferro contra os Vingadores: de Surra no Homem-Aranha a clone do Thor [LISTA]

Além da infecção letal, Miles protege o bairro de uma facção de bandidos autointitulados como “One America Army (o único exército americano, em tradução livre)”. 

O líder dos vilões é Captain Last (Capitão Último, em tradução livre), uma versão corrompida do Capitão América, e ele arruma uma forma de se fundir aos super-germes sem morrer, se tornando forte o suficiente para quebrar o domo de proteção que envolvia o Brooklyn e invadir o bairro:

+++LEIA MAIS: Kevin Feige revela porque Homem-Aranha quase não participou de Guerra Civil

O Homem-Aranha então resiste uma última vez, e entrega a própria vida para matar Captain Last com uma descarga bioelétrica:

A revista, escrita por Saladin Ahmad e ilustrada por Damion Scott, inovou com uma nova versão da roupa de Homem-Aranha de Miles, e também por mostrar o otimismo do herói mesmo em um mundo pós-apocalíptico.


+++ CORUJA BC1: 'FAÇO MÚSICA PARA SER ATEMPORAL E MATAR A MINHA PRÓPRIA MORTE'