VMA 2014: Beyoncé é homenageada e faz apresentação memorável, mas não leva nenhum troféu expressivo na premiação regular

Relativamente comportada, Miley Cyrus ficou com o "astronauta" mais importante da noite; Lorde ganhou como Melhor Vídeo de Rock

Redação Publicado em 25/08/2014, às 01h47 - Atualizado às 13h18

VMA

Ver Galeria
(10 imagens)

Considerando que tinha o maior número de indicações, era esperado que Beyoncé fosse a grande vencedora desta edição do Video Music Awards, da MTV, que aconteceu neste domingo, 24, na cidade de Inglewood, na Califórnia. A cantora não levou para casa nenhum astronauta de ouro das categorias regulares "importantes", contudo, fez uma apresentação memorável, sendo que ainda foi condecorada com a homenagem Michael Jackson Vanguard, título que reconhece toda a carreira da artista.

Os 25 momentos mais insanos da história do VMA.

Se em 2013 Miley Cyrus chocou o mundo junto a Robin Thicke, este ano, a apresentação mais atrevida ficou por conta de Nicki Minaj, que subiu ao palco três vezes – e com três roupas diferentes –, e cantou com Ariana Grande e Jessie J, e Usher. Foi com a vestimenta e decoração selvagem de “Anaconda” que ela mostrou o famoso rebolado, não suficiente para render um prêmio a ela.

O VMA 2014 não consagrou nenhum artista com muitos troféus, e algumas apostas improváveis faturaram o astronauta, desbancando favoritos. Katy Perry (com Juicy J.), venceu na categoria Melhor Vídeo Feminino com o polêmico “Dark Horse”, derrotando Beyoncé, Lorde, Iggy Azalea e Ariana Grande. No prêmio correspondente masculino, Ed Sheeran (com participação de Pharrell Williams) ganhou com “Sing”, deixando para trás Eminem e o próprio Pharrell, entre outros.

Mais pop e menos doce, Taylor Swift apresentou pela primeira vez o single “Shake it Off” ao vivo, bem acompanhada por dançarinos talentosos, vestidos em ternos pretos. Todo de branco, Usher suou com uma performance coerente e bem resolvida, que contou com uma afinada banda de fundo e a volta de Nicki Minaj. Do lado de fora, Adam Levine – usando uma camiseta do time de basquete Los Angeles Lakers – comandou o Maroon 5, que pôs a multidão aos berros com o novo single do grupo, “Maps”.

Revelações

Entre os "artistas para se prestar atenção", Sam Smith mostrou que segue o caminho de artistas como Adele, cantando com potência e virtuosismo a faixa “Stay With Me”. Anunciado como um grupo influenciado pelos anos 1990 – de bandas como o Green Day e Blink 182 –, o 5 Seconds of Summer provou estar mais para sucessor do Jonas Brothers, com os violões afinados demais na performance de “Amnesia”. De maneira inesperada, o astronauta de ouro da categoria acabou ficando com as incrédulas integrantes do Fifth Harmony.

Rock (?)

Espontânea – e sem abrir mão do preto –, Lorde mostrou-se surpresa (o choque foi recorrente nesta noite) ao receber o prêmio de Melhor Vídeo de Rock pelo clipe de “Royals”. Além de errar a câmera e soltar um palavrão, ela deixou uma dúvida quanto à especificidade do prêmio – Lorde é uma cantora de rock ou pop? Ela desbancou as guitarras de Arctic Monkeys, Black Keys, Linkin Park e Imagine Dragons.

Outras surpresas aconteceram no Melhor Vídeo de Hip-Hop e no Melhor Vídeo de Pop. No primeiro caso, Drake (ausente no evento) bateu Eminem, Kanye West e Wiz Khalifa com “Hold On (We're Going Home)”; no segundo, os hits “Fancy”, de Iggy Azalea (e Charli XCX), e “Happy”, de Pharrell, perderam para “Problem”, de Ariana Grande com a mesma Iggy Azalea – que ainda apresentou de forma segura a canção “Black Widow” ao lado de Rita Ora.

O ator Robin Williams, que morreu este mês, ganhou uma tímida homenagem, tendo uma imagem exibida durante três segundos no telão do VMA.

Comportada e preocupada

Mais discreta, afirmando que seu foco era “entrar no estúdio, compor e gravar”, Miley Cyrus voltou a ser destaque no VMA, após a apresentação bombástica do ano passado. Ela ganhou o principal prêmio da noite, o de Melhor Vídeo do Ano, com “Wrecking Ball”, mas logo os olhos se voltaram ao discurso de Jesse, um integrante da organização My Friend's Place, relacionada a jovens sem moradia. “A capital do entretenimento tem o maior número de jovens sem lares nos Estados Unidos”, disse. “Se quiserem fazer uma mudança poderosa no mundo, entrem na página de Miley Cyrus no Facebook.”

“Bem vindos ao meu mundo”

Homenageada pela sólida carreira com o prêmio Michael Jackson Vanguard, Beyoncé fez uma apresentação memorável, de cerca de 15 minutos, na qual condensou faixas do seu último disco, Beyoncé, lançado este ano. Sob os olhares do marido Jay Z e da filha Blu Ivy (que entregaram o prêmio a ela), ela disparou, uma atrás da outra, as faixas “Mine”, “Haunted”, “No Angel”, “Blow”, “Drunk in Love”, “Rocket”, “Partition”, “Flawless”, “Yonce”, “Blue” e “Xo”.

Em uma premiação que clama pela superprodução, ousadia e um pop bem feito (além de uma nesga de “responsabilidade social”), Beyoncé parece ser a artista perfeita. Além de impressionante ao cantar e dançar, ela foge dos sentimentos falsos, pré-programados, e age de maneira natural em cima do palco.

Ela contou com dançarinos e figuras coerentes com estética do espetáculo, criando uma performance diversificada, mesmo com o tempo limitado. Ela não só reforçou o discurso feminista de suas músicas, como mostrou-se humana ao cair em lágrimas quando a apresentação chegava perto ao fim.

Beyoncé é tudo que uma artista pop tem que ser – bonita, talentosa, criativa e carismática – e ainda mais: tem a "família perfeita", se preocupa com a representatividade da mulher e lançou o melhor disco da carreira recentemente.

Veja abaixo a lista com os principais vencedores.

Vídeo do Ano

Beyoncé feat. Jay Z, "Drunk in Love"

Iggy Azalea feat. Charli XCX, "Fancy"

Miley Cyrus, “Wrecking Ball”

Pharrell Williams, "Happy"

Sia, "Chandelier"

Melhor Vídeo Masculino

Ed Sheeran feat. Pharrell Williams, “Sing”

Eminem feat. Rihanna, "The Monster"

John Legend, "All of Me"

Pharrell Williams, "Happy"

Sam Smith, "Stay With Me"

Melhor Vídeo de Pop

Ariana Grande feat. Iggy Azalea, “Problem”

Avicci feat. Aloe Blacc, "Wake me Up"

Iggy Azalea feat. Charli XCX, "Fancy"

Jason Derulo feat. 2 Chainz, "Talk Dirty"

Pharrell Williams, "Happy"

Artista Para se Prestar Atenção (revelação)

5 Seconds of Summer, "She Looks so Perfect"

Chali XCX, "Boom Clap"

Fifth Harmony, “Miss Movin On”

Sam Smith, "Stay With Me"

Schoolboy Q, "Man of the Year"

Melhor Vídeo de Hip-Hop

Childish Gambino, "3005"

Drake feat. Majid Jordan, “Hold On (We're Going Home)”

Eminem, "Berzerk"

Kanye West, "Black Skinhead"

Wiz Khalifa, "We Dem Boys"

Melhor Vídeo Feminino

Ariana Grande feat. Iggy Azalea, "Problem"

Beyoncé, "Partition"

Iggy Azalea feat. Ccharli XCX, "Fancy"

Katy Perry feat. Juicy J. “Dark Horse”

Lorde, "Royals"

Melhor Vídeo de Rock

Arctic Monkeys, "Do I Wanna Know?"

Black Keys, "Fever"

Imagine Dragons, "Demons"

Linkin Park, "Until It's Gone"

Lorde, “Royals”

Melhor Fotografia

30 Seconds to Mars, “City of Angels”

Beyoncé, “Pretty Hurts”

Arcade Fire, “Afterlife”

Gesaffelstein, “Hate or Glory”

Lana Del Rey, “West Coast”

Melhor Vídeo com Mensagem Social

Angel Haze ft. SIA, “Battle Cry”

Avicii, “Hey Brother”

Beyoncé, “Pretty Hurts”

J. Cole ft. TLC, “Crooked Smile”

Kelly Rowland, “Dirty Laundry”

David Guetta com Mikky Ekko, “One Voice”

Melhor Edição

Eminem, “Rap God”

MGMT, “Your Life is a Lie”

Zedd com Hayley Williams, “Stay the Night”

Beyoncé, “Pretty Hurts”

Fitz and The Tantrums, “The Walker”

Melhor Coreografia

Sia, “Chandelier”

Beyoncé, “Partition”

Usher, “Good Kisser”

Michael Jackson com Justin Timberlake, “Love Never Felt So Good”

Jason Derulo com 2Chainz, “Talk Dirty”

KIESZA, “Hideaway”

Melhor Direção

DJ Snake & Lil Jon, “Turn Down For What”

OK Go, “The Writing’s On the Wall”

Miley Cyrus, “Wrecking Ball”

Beyoncé, “Pretty Hurts”

Eminem com Rihanna, “The Monster”

Melhor Colaboração

Beyonce ft. JAY Z, “Drunk In Love”

Ariana Grande ft. Iggy Azalea, “Problem”

Pitbull ft. Ke$ha, “Timber”

Chris Brown ft. Lil Wayne and Tyga, “Loyal”

Eminem ft. Rihanna, “Monster”

Katy Perry ft. Juicy J, “Dark Horse”

Melhor Direção de Arte

Arcade Fire, “Reflektor”

DJ Snake & Lil Jon, “Turn Down For What”

Iggy Azalea ft. Charli XCX, “Fancy”

Eminem, “Rap God”

Tyler, The Creator, “Tamale”

Efeitos Visuais

OK Go, “The Writing’s On the Wall”

DJ Snake & Lil Jon, “Turn Down For What”

Disclosure, “Grab Her!”

Eminem, “Rap God”

Jack White – “Lazaretto”