Hugh Jackman manda vídeo carinhoso a menino de 9 anos que queria se matar após sofrer bullying: 'Amigo, estou aqui!'

Quaden Bayles também recebeu apoio de celebridades como Jon Bernthal e Mark Hamill

Redação Publicado em 22/02/2020, às 12h00

None
Montagem com Quaden Bayles (Foto: Facebook / Reprodução) e Hugh Jackman (Foto: Twitter / Reprodução)

Na última quinta, 20, Hugh Jackman dedicou um vídeo carinhoso a Quaden Bayles, um menino australiano de nove anos com namismo acondroplásico que queria se matar após sofrer bullying na escola.

+++ LEIA MAIS: Marvel quer Hugh Jackman de volta como Wolverine para filme com Hulk

“Quaden, você é mais forte do que imagina, cara. Não importa o que aconteça, você tem um amigo em mim”, disse o intérprete do Wolverine. “Então pessoal, vamos ser mais gentis uns com os outros, bullying não é ok. A vida já é difícil suficiente, então vamos sempre lembrar, todas as pessoas já estão enfrentando algum tipo de batalha, então vamos ser mais legais."

Anteriormente, a mãe do menino compartilhou um vídeo viral revelando as experiências  do filho com bullying e as tentativas de suicídio recorrentes.

“É isso que o bullying faz”, escreveu Yarraka Bayles. “Temos uma criança suicida que está cansada do bullying que sofre diariamente. É todo dia essa p***a e estamos cansados disso”, afirmou.

+++Leia mais: O Justiceiro: os 7 momentos mais cruéis do anti-herói da Marvel

Outras celebridades como Jon Bernthal, Mark Hamill e Jeffrey Dean Morgan também demonstraram apoio a Bayles nas redes sociais:

 

 

Pouco tempo depois que a história de Quaden Bayles viralizou na internet, boatos levantaram a suspeita de que o menino seria, na verdade, um ator de 18 anos que estaria enganando a todos.

A “confusão” surgiu de uma publicação feita no Instagram de Bayles (@quadosss) em 18 de janeiro de 2020, na qual o menino está comemorando o aniversário de 18 anos de um amigo da família.

 

 


+++ SESSION ROLLING STONE: RUBEL TOCA MANTRA