Ian Gibbons, tecladista do The Kinks, morre aos 67 anos

O músico, que fez parte da banda britânica entre 1979 e 1996, morreu na última quinta, 31 de julho

Redação Publicado em 02/08/2019, às 15h14

None
The Kinks (Foto: Reprodução/Instagram/Dave Davies)

Ian Gibbons, tecladista do The Kinks, morreu na última quinta, 31 de julho. A informação foi confirmada pelos músicos que fizeram parte da banda ao seu lado, e o elogiaram por ter sempre mantido uma "atitude positiva". 

Parte essencial do grupo britânico entre 1979 e 1996, ele morreu na casa onde morava, e a causa ainda não foi revelada.

+++Leia mais: Ray Davies, líder do The Kinks, revela que a banda está gravando novo disco

O vocalista e guitarrista base Ray Davies foi quem inaugurou as homenagens, e escreveu: "Simplesmente dizer que Ian deixará saudade é um eufemismo. Meus primeiros pensamentos ficam com sua família e todos que o amavam."

Dave Davies, responsável pela guitarra solo e pelos backing vocals do Kinks, também deixou sua mensagem, e disse estar devastado com a perda do amigo.

O baterista Mick Avory acrescentou seu tributo: "Eu conhecia e trabalhei com o Ian por 40, e vou sempre lembrar dele como um bom amigo e um ótimo músico. Vou sentir muito sua falta, especialmente porque ainda trabalhávamos juntos. É muito triste que ele precisou partir tão rapidamente, antes que qualquer um pudesse dizer adeus." 

O Instagram oficial da banda postou nos stories uma homenagem simples, com o ano de nascimento, e o ano de morte de Ian Gibbons.

+++ ENTREVISTA RS: Rubel fala de carreira acidental, conta como criou "Partilhar" e que quer ser popular