Blade Runner completa 30 anos

Clássico de Ridley Scott nunca alcançou sucesso de bilheteria e teve continuação postergada

Redação Publicado em 25/06/2012, às 12h04 - Atualizado às 18h34

Blade Runner
Divulgação

Mesmo sem ter alcançado grandes marcas de bilheteria, Blade Runner se tornou um clássico. O filme comemora nesta segunda, 25, 30 anos desde sua estreia nos Estados Unidos. Dirigida por Ridley Scott, a produção acompanha a saga de um detetive vivido por Harrison Ford, e se passa em 2019, ano em que robôs se dão conta de sua existência e capacidade e organizam uma rebelião.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Para comemorar a data, a Warner Bros. prepara uma edição especial do filme, que pela primeira vez será lançado em Blu-ray. A caixa vai contar ainda com dez horas de bônus inéditos, um livro com arte conceitual e croquis desenhados pelo próprio diretor, além de uma miniatura do Spinner, o carro voador que aparece no filme.

Originalmente, Blade Runner deveria ter uma sequência que, devido ao fracasso comercial do filme, acabou sendo deixada de lado pelas produtoras. A ideia da continuação, entretanto, ressurgiu recentemente, e o próprio diretor já chegou a descrever uma das cenas (veja aqui).

A volta de Blade Runner não deverá contar com Harrison Ford e, por enquanto, permanece apenas no imaginário do diretor, já que outros projetos, como Prometheus 2, ocupam o tempo de Scott. O roteirista do filme original, Hampton Fancher, ainda não começou a trabalhar na sequência.