Iggor Cavalera cria canal com conteúdos exclusivos: 'Comunicação direta com fã' [ENTREVISTA]

Ex-baterista do Sepultura publica vídeos, conversa com fãs e ensina detalhes técnicos em canal de serviço de financiamento coletivo

Itaici Brunetti | @itaicibrunetti Publicado em 13/03/2021, às 10h00

None
Iggor Cavalera (Foto: divulgação)

Iggor Cavalera, ex-Sepultura e um dos bateristas de trash metal mais respeitados do mundo, criou um canal de material exclusivo e interação com os fãs durante a pandemia do coronavírus. Através do serviço de financiamento coletivo Patreon, o ídolo brasileiro conversa com os assinantes, conta histórias da carreira e ensina técnicas de bateria.  

"A ideia do canal no Patreon veio do Beneath The Drums, canal que criei no Youtube durante a pandemia, já que os shows estão parados no mundo inteiro", conta Iggor Cavalera em entrevista à Rolling Stone Brasil. "Nesses vídeos eu mostro em detalhes como é o processo de composição das músicas, porque o resultado final está na internet, tem milhões de vídeos com eu tocando", explica. 

+++LEIA MAIS: Heavy metal: Site elege melhores músicas de cada ano desde década de 1970

Dos conteúdos exclusivos no Patreon, Iggor detalha: "Lá é um canal para as pessoas que querem saber mais sobre a parte técnica: o tipo de caixa que eu uso, ou quais baquetas usei na gravação de mil novecentos e bolinha, tá ligado? Essas coisas. Trocamos essas ideias."

O baterista continua relatando o material: "Por exemplo, de cada vídeo que faço, envio somente a bateria gravada para a pessoa poder tocar junto. É um monte de coisas que são interessantes e são exclusivas para quem quer participar mesmo. É uma comunicação mais direta com o fã."

A arte salva

Falando de Londres, Inglaterra, onde mora com a esposa Laima Leyton, Iggor Cavalera ressalta a importância dos vídeos dizendo que qualquer coisa feita durante a pandemia que seja relacionada à arte ajuda bastante na sanidade mental, principalmente nesse momento em que os shows, cinemas e exposições estão impossibilitados de frequentar. 

"Essas coisas são importantes. Por mais que pareçam banais em outras situações, durante a pandemia elas fazem a diferença. E isso foi uma coisa que me ajudou bastante a manter a sanidade, sem ficar louco ou virar o cara do O Iluminado", diz Iggor fazendo referência ao filme clássico de Stanley Kubrick

+++ SIGA NOSSO SPOTIFY - conheça as melhores seleções musicais e novidades mais quentes

Para os assinantes do canal do Patreon de Iggor Cavalera há dois níveis de contribuição, com diversas recompensas: a Bloody Roots, com valor mensal de US$ 30, e a VIP Beneath The Drums, por U$ 50 mensais, que além de todo o material disponibilizado pela modalidade anterior, acrescenta conversas via Zoom com o baterista.

+++LEIA MAIS: 'Laguna Sunrise', do Black Sabbath, foi escrita após experiência desastrosa com LSD [FLASHBACK]

"Eu, como fã também, gostaria de ter essa interação com outros músicos ou artistas", revela Iggor Cavalera. "Eu adoraria que o Bill Ward, do Black Sabbath, que é um baterista que eu amo tivesse um canal desse. Eu ia pirar e ficar assistindo o tempo todo, fazendo perguntas e ficando feliz com os feedbacks dele", finaliza. 


+++ LAGUM: 'BUSCAMOS SER GENUÍNOS' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL