Iggy Pop faz álbum com influências do jazz

Em vídeo, ícone punk afirma que buscou influências da música de Nova Orleans para criar disco baseado no livro A Possibilidade de uma Ilha, do escritor francês Michel Houellebecq; assista

Da redação Publicado em 03/03/2009, às 11h15

Iggy Pop "cansou" das guitarras sujas do punk - e resolveu mudar de ares com um álbum de jazz. Em vídeo divulgado em seu site oficial, o cantor explica que buscou influências do jazz de Nova Orleans (EUA), ouvindo músicos como Louis Armstrong e Jelly Roll Morton, para criar um disco inspirado no livro A Possibilidade de uma Ilha, do autor francês Michel Houellebecq.

Preliminaires tem lançamento previsto para 18 de maio na Europa. O álbum conta com uma faixa cantada em francês, "Les Feuilles Mortes ('Autumn Leaves')". O músico explica que o trabalho foi "feito especialmente para a França e as pessoas que falam francês".

O vocalista do Stooges entrou em contato com o livro de Houellebecq quando foi convidado a compor faixas para um documentário sobre as tentativas do autor de transformar A Possibilidade... em um filme. "Na minha mente, estas seriam as músicas que ouço em minha alma quando leio o livro", afirma.

Ao final do vídeo, que você assiste abaixo (sem legendas em português), é possível ouvir "King of the Dogs", uma das faixas do disco. Iggy conta que é uma de suas músicas preferidas, e foi feita em homenagem ao personagem Fox, um cachorro branco que exemplifica o "quão legal é ser um cão, e o quanto supera a vida humana".