Igreja transformada em estúdio pelo Arcade Fire está à venda

Banda canadense gravou no local os discos Neon Bible (2007) e The Suburbs (2010)

Redação Publicado em 21/01/2013, às 13h23 - Atualizado às 13h36

Igreja do Arcade Fire
Reprodução

“Alguém aí quer comprar uma igreja?”, questionou através do Twitter a banda Arcade Fire. A pergunta se refere ao local transformado em estúdio de gravação pela banda em 2005, mas que agora sofre com problemas de conservação e foi colocado a venda por US$ 325 mil.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

A igreja localizada em Farham, a 45 quilômetros de Montreal, no Canadá, foi usada pela banda canadense para a gravação dos dois álbuns mais recentes – Neon Bible (2007) e The Suburbs (2010). Mas o teto do lugar desabou e o grupo resolveu construir um novo espaço na capital do país, Ottawa. É lá que o casal Win Butler e Régine Chassagne e seus companheiros preparam um novo disco previsto para sair ainda neste ano.

O site onde está anunciado o imóvel o descreve como um prédio reformado em 2006 com três quartos, cozinha, sala de jantar e cômodos transformados em estúdios pelo Arcade Fire, mas agora sem função definida. A reconstrução do teto deve custar cerca de US$ 44 mil, segundo o site do jornal The Guardian.

Sobre o novo disco, o baterista Jeremy Gara afirmou em outubro do ano passado: “Estamos trabalhando nas músicas, deixando as barbas crescerem, passando muito tempo em casa e saindo para jantar”. James Murphy, ex-LCD Soundsystem, também deve participar do novo trabalho.