Hellboy não terá mais sequências, garante Guillermo del Toro

Diretor de Círculo de Fogo alega falta de interesse dos estúdios

Redação Publicado em 12/07/2014, às 16h34 - Atualizado em 13/07/2014, às 13h06

Hellboy
Reprodução

Por mais que o diretor Guillermo del Toro tenha demonstrado vontade em fazer uma nova sequência Hellboy, um terceiro filme da franquia não deve acontecer. De acordo com o Variety, o cineasta afirmou que seria “impossível de se financiar” um longa-metragem. “Isso não parte de mim, é culpa dos grandes estúdios, que não querem bancar o filme. Se eu fosse um multimilionário, financiaria eu mesmo”, disse.

Edição 82: Guillermo Del Toro, diretor de Círculo de Fogo, explica como transformou um hobby em uma profissão que movimenta milhões.

“Pensando na parte criativa, eu adoraria fazer [a sequência]. Mas só pensando na parte criativa”, acrescentou. Segundo o site, a conta não fecharia em um possível Hellboy 3, já que, em 2008, Hellboy II - O Exército Dourado faturou US$ 76 milhões – US$ 10 milhões a menos do que o dinheiro disponível para a produção – no território norte-americano. Já Hellboy ficou devendo US$ 6 milhões para o custo de produção.

Guillermo del Toro confirma sequência do filme Círculo de Fogo com previsão de estreia em abril de 2017.

Atualmente, Del Toro se mantém ocupado trabalhando na sequência de Círculo de Fogo, que chegará aos cinemas norte-americanos no dia 7 de abril de 2017 e estará disponível em 3D e IMAX. Zak Penn (que assina o texto de Os Vingadores) escreveu o roteiro ao lado de Del Toro. O diretor também será o produtor do filme, em parceria com Thomas Tull e Jon Jashni, do Legendary Pictures.