Incêndio acaba com casa onde os integrantes do Bee Gees viveram no início da carreira

O local, na cidade de Brisbane, na Austrália, foi o último lar do grupo antes da mudança de volta para a Inglaterra

Redação Publicado em 29/12/2012, às 09h56

Bee Gees: seis anos após a morte de Maurice, parceria voltará à ativa
Reprodução/site oficial

Um incêndio em Brisbane, na Austrália, destruiu a residência onde moraram os integrantes do Bee Gees antes de os irmãos Barry, Robin e Maurice Gibb se mudarem de volta para a Inglaterra, informa a agência de notícias EFE.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

Os três integrantes do grupo britânico passaram parte da juventude no local e essa foi a última casa deles antes do retorno para a Inglaterra, segundo uma vizinha disse ao canal ABC. A mesma mulher afirma que os Gibb estiveram lá na última década para rever a propriedade.

Barry, Robin e Maurice se mudaram para o bairro de Redcliffe, que fica no norte da cidade, em 1958, quando já estavam começando a carreira. Maurice e seu gêmeo Robin já morreram, respectivamente em 2003 e no último mês de maio. Barry é o único sobrevivente e fará uma turnê mundial em 2013 para homenagear o início do Bee Gees, começando pela Austrália.