Internet arruinou a música, acredita Noel Gallagher: 'Terrível, é tudo sobre vendas'

Noel Gallagher, ex-Oasis, acredita que tudo nas redes sociais é 'falso,' exceto o ódio e a divisão entre pessoas

Marina Sakai (sob supervisão de Yolanda Reis) Publicado em 21/06/2021, às 18h12

None
Noel Gallagher (Foto: Mauricio Santana/Getty Images)

Noel Gallagher acredita que as redes sociais e a internet como um todo arruinaram a música. O ex-Oasis defende: atualmente, os músicos não conseguem se desenvolver naturalmente e crescer gradualmente, pois são expostos nas mídias e alcançam o sucesso muito cedo. 

Segundo informações do The List, o astro do rock não presta atenção nas paradas musicais. "É terrível. É tudo sobre vendas, não se trata de promover uma forma de arte ou uma cultura." Depois, referenciou grandes bandas como Queen e os Beatles, as quais tocaram por anos antes de ganhar destaque.

+++LEIA MAIS: Noel Gallagher quer R$ 750 milhões para reunir Oasis: 'Se alguém oferecer, eu aceito'

"Você não acorda aos 16 anos como um músico incrível. Eu não era bom até os 27. Escrevo canções desde os 14, então mais de uma década. Quer dizer, não fomos rejeitados, pois ninguém se interessou em primeiro lugar, mas o modo como os negócios são hoje, é f*****," completou Gallagher.

Também acrescentou como tudo nas redes sociais é "falso" e como "a internet impulsiona a neurose do mundo." A única verdade nestes ambientes é o ódio e a divisão entre pessoas, segundo Gallagher, quem se envergonha em dizer que sua geração inventou tudo isso.

+++LEIA MAIS: Noel Gallagher fala sobre próximo disco: 'Mega melodias, realmente fo***'

Gallagher tem três filhos — Anais (21 anos), Donovan (13) e Sonny (10) — e se impressionou negativamente com o fato de nenhum deles saber o que é a arte de capa de discos, pois não compram álbuns físicos. "Se não está no celular deles, não existe."


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL