Irvine Welsh, autor de Trainspotting, dirigirá comédia sobre futebol

O filme será uma releitura moderna do faroeste Sete Homens e um Destino, centrada em um time de futebol amador que precisa rechaçar bandidos

Da redação Publicado em 22/05/2009, às 09h35

Irvine Welsh, autor escocês de Trainspotting, que inspirou o filme homônimo com Ewan McGregor, vai escrever e dirigir a comédia futebolística The Magnificent Eleven ("os magníficos onze", em português).

Segundo o site da revista Variety, Welsh trabalhará com outros roteiristas, o pai e filho Pete e John Adams. A produção, que começa a filmagem no segundo semestre, é dita como uma modernização de The Magnificent Seven (Sete Homens e um Destino, no título em português), clássico faroeste de 1960, com Eli Wallach, Steve McQueen e Charles Bronson no elenco.

Os magníficos onze serão, no caso, um time de futebol amador. O enredo se focará, ainda, em um restaurante indiano e uma trupe de bandidos ameaçadores.

Romancista e roteirista desde os anos 1990, o escocês estreou na direção só em 2007, com o curta Nugs. Seu primeiro e, até agora, único longa é o ainda inédito no Brasil Good Arrows, lançado este ano e codirigido por Helen Gracie. A comédia de humor negro, que emula o modelo de "documentário fake", à la Spinal Tap, trata de um jogador de dardos que entra em depressão após sofrer um ataque do coração - "uma sátira ao mais vazio e derrotado ponto fraco dos nossos tempos - o culto às pequenas celebridades", nas palavras do diretor estreante.

Welsh é conhecido pelas tiradas ácidas que imputa a seus personagens, sempre envoltos em situações bizarras e oníricas. É o caso, por exemplo, dos necrófilos de Ecstasy, as tênias falantes em Filth ou o bebê que caminha pelo teto como se aquela fosse a mais natural das formas de se locomover, em Trainspotting (dirigido por um novato Danny Boyle, que 13 anos depois levaria o Oscar por Quem Quer Ser um Milionário?).