James Hetfield está em dúvida sobre tomar vacina contra Covid-19: 'Estou cético'

Frontman do Metallica disse 'não estar totalmente certo' sobre tomar vacina contra Covid-19 por causa de sua crença religiosa

Itaici Brunetti Publicado em 10/05/2021, às 09h34

None
James Hetfield, vocalista do Metallica (Foto: Kevin Winter/Getty Images)

James Hetfield, vocalista e guitarrista do Metallica, se mostrou em dúvida sobre tomar a vacina contra a Covid-19. O músico de 57 anos disse estar "cético" em relação o imunizante. 

"Estou um pouco cético em relação a tomar a vacina, mas parece que está acontecendo e as pessoas estão tomando. Eu tenho muitos amigos que já tomaram. Mas, não estou totalmente certo disso", afirmou James Hetfield em entrevista ao podcast Fierce Life.

+++LEIA MAIS: Elton John revela que esteve trabalhando com Metallica na pandemia

O assunto sobre vacina contra Covid-19 surgiu quando o vocalista foi questionado se o Metallicafará turnês em 2021. "Eu não tenho ideia. Não depende de mim. Depende da segurança de todos - não apenas dos fãs, mas da equipe e da nossa segurança. Eu não tenho certeza do que isso significa no futuro, no que diz respeito às vacinas", respondeu.

"Espero que não chegue a um ponto em que você precise ter aquele carimbo de Covid no seu passaporte, ou algo assim, para ir a todos os lugares. Mas, se chegar a esse ponto, então tomarei uma decisão", afirmou Hetfieldsobre tomar a vacina. "Fomos vacinados para ir à África, então não é como se eu nunca tivesse sido vacinado antes", completou. 

+++LEIA MAIS: Metallica comemora 35 anos de Master of Puppets com performance arrepiante de 'Battery'; assista

Religião e vacinas

A resistência de James Hetfieldem relação às vacinas é devido à crença religiosa do músico, adepto a Christian Science [Ciência Cristã]. "Nunca fui vacinado quando eu era criança por causa da nossa religião. A única vez que eu tomei [vacina] foi quando fomos a um safári na África", explicou. 

Curiosamente, na mesma entrevista o músico relembrou de uma situação que mostra o quanto se medicar é importante para preservar a vida. Sua mãe, Cynthia Hetfield, optou em não se tratar de um câncer devido à crença religiosa. Ela não se medicou e morreu por causa da doença.  

Ouça abaixo a entrevista de James Hetfield para o podcast Fierce Life. As informações são do site Blabbermouth


+++ MV BILL: 'A GENTE TEM A PIOR POLÍTICA DE GOVERNO PARA O PIOR MOMENTO' | ENTREVISTA | ROLLING STONE BRASIL