Jay-Z nunca disse que ia parar de usar a palavra “bitch” em suas letras

Ao contrário do que foi noticiado, o rapper não fez essa afirmação após o nascimento de sua filha

<i>Rolling Stone EUA</i> Publicado em 19/01/2012, às 11h19 - Atualizado às 11h53

Jay-Z
AP

Apesar de isso ter sido noticiado por diversos veículos, Jay-Z aparentemente nunca afirmou que ele vai parar de usar a palavra "bitch" (“vagabunda”, em tradução livre) nas suas letras após o nascimento de sua filha. “A notícia é bobagem”, disse o fundador do site TMZ, Harvey Levin, no Twitter. Ele citou um dos representantes do rapper como sua fonte.

Nesta semana, veículos reproduziram uma nota do W.E.N.N., site que teria conseguido um poema teoricamente escrito pelo rapper com os dizeres "Antes de entrar nesse jogo, mudei as coisas e fiquei rico / Não pensei duas vezes ao usar a palavra bitch / Eu fiz rap sobre isso, vendi isso, vivi isso / Agora com a minha filha nesse mundo eu xingo aqueles que usarem isso”. Alguns fãs rapidamente questionaram a autenticidade do poema.

No começo do mês, Jay-Z e sua esposa, Beyoncé, anunciaram o nascimento de sua primeira filha, Blue Ivy Carter. Jay-Z comemorou a ocasião lançando a música "Glory".