Jimi Hendrix: os 9 maiores guitarristas do mundo, segundo o maior guitarrista da história: de Eric Clapton a Muddy Waters

Diversos artistas foram parte importante da formação musical da lenda

Redação Publicado em 26/06/2020, às 13h14

None
Jimi Hendrix (foto: Bruce Fleming / AP)

Jimi Hendrix, eleito o maior guitarrista da história pela Rolling Stone, confessou admiração por outros músicos que tocavam o mesmo instrumento. Segundo o site Far Out Magazine, a lista de guitarristas favoritos de Hendrix incluiu nomes muito conhecidos, como Eric Clapton e BB King, mas também outros músicos com menor sucesso comercial. 

Rory Gallagher, por exemplo, foi chamado de “melhor guitarrista do mundo” por Hendrix em entrevista ao programa The Mike Douglas Show. Gallagher teve uma carreira solo de sucesso, com mais de 30 milhões de álbuns vendidos, e morreu em 1994 por complicações após um transplante de fígado. 

O guitarrista de blues Otis Rush  foi uma influência musical para a carreira de Hendrix. Apesar de não muito conhecido pelo público, está entre os 100 melhores guitarristas de todos os tempos no ranking da Rolling Stone e também foi uma influência para Eric Clapton - um ídolo de Hendrix.

+++ LEIA MAIS: Pete Townshend se arrepende do conselho que deu a Jimi Hendrix; entenda

Conhecido como “deus da guitarra”, Clapton dividiu o palco com Hendrix quando estava no Cream. “Fui privilegiado [pela oportunidade]. É algo que ninguém vai superar, aquele incidente, aquela noite, é histórica em minha mente’, relembrou Clapton em entrevista ao Planet Rock.  

Apesar do estilo minimalista, Steve Cropper, guitarrista da banda de soul Booker T. & the M.G., foi uma influência para Hendrix. De acordo com o baixista Billy Cox, ainda de acordo com o site, Hendrix “copiava as músicas [de Cropper] antes de encontrar a própria persona” no período de “infância musical” do ícone. 

Conhecido como The Iceman, Albert Collins era uma influência na cena do blues entre as décadas de 1950 e 1960, e era considerado um tesouro pouco valorizado pelo público. “Ele é muito bom, um dos melhores do mundo”, comentou Hendrix em 1968. 

+++ LEIA MAIS: A morte de Jimi Hendrix: como circunstâncias obscuras levaram o maior guitarrista de todos os tempos

No começo da carreira Hendrix usava nomes como “Maurice James” ou “Jimmy James”, todos inspirados por Elmore James. Segundo a Far Out Magazine, Hendrix citava o ídolo com frequência e gravou demos de “Bleeding Heart”, lançadas apenas a morte da lenda. 

“Every Day I Have the Blues”, de BB King, também fez parte do repertório de covers de Jimi. Trabalhos como “Hey Joe” ou “Voodoo Chile” mostram a influência do estilo do Blues Boy na carreira do guitarrista. 

+++ LEIA MAIS: Jimi Hendrix chamou Paul McCartney para formar supergrupo com Miles Davis; por que deu errado?

O lendário Muddy Waters esteve presente nas influências de Hendrix desde a infância. “O primeiro guitarrista do qual me lembro é Muddy Waters. Escutei um dos álbuns antigos dele quando era um garotinho e fiquei muito assustado por ouvir todos aqueles sons. Uau, o que era aquilo?”, relembrou em entrevista à Rolling Stone EUA. “Era ótimo”. 

O ritmo de Albert King era admirado por Hendrix e também o colocou entre os 15 melhores guitarristas da história no ranking da Rolling Stone. “Ele toca completamente e unicamente de uma maneira, (...) é a cena dele”, comentou Hendrix sobre o músico. 


+++ A PLAYLIST DO SCALENE