Pulse

Joaquin Phoenix opina sobre teoria de fãs na cena final de Coringa

O intérprete do vilão de Gotham disse que acha interessante as diferentes interpretações dos espectadores sobre o filme

Redação Publicado em 14/11/2019, às 08h17

None
Coringa. (Foto: Reprodução)

[Atenção: essa publicação tem spoilers de Coringa]

Joaquin Phoenix abriu o jogo sobre uma das teorias sobre o final do filme, em que o Coringa conversa com uma médica no hospital psiquiátrico Arkham. Muitos espectadores acreditam que toda a trama do longa-metragem não passa de uma história imaginada por Arthur Fleck, contudo, o ator acredita que todos os acontecimentos foram reais.

"Mas eu não sei. É apenas minha opinião", disse o artista ao Los Angeles Times.

+++ LEIA MAIS: Coringa teve uma cena cortada por ser “insana demais” para um filme +18, conta diretor

Phoenix também revelou o que acha sobre as teorias dos espectadores de Coringa sobre o final do filme. O ator contou que acha interessante a maneira como os espectadores tiveram diferentes impressões sobre o filme e que nenhuma das hipóteses está errada. 

"Tem sido muito interessante como as pessoas reagem ao filme e o que elas veem. Para mim, todas essas respostas estão válidas [...] Normalmente você tem que responder essas perguntas, mas isso é realmente participativo e interativo", disse o ator.

Ele completa: "É a audiência que decide. Isso é tão raro, especialmente com um filme de um grande estúdio, e eu não quero arruinar isso ao dizer: 'Não, isso é o que é'. Para mim, tem tantos jeitos diferentes de ver esse personagem e a experiência dele que eu não acho que você pode chegar em apenas um significado".

+++ LEIA MAIS: Coringa, Deadpool e mais: as 10 maiores bilheterias de filmes +18 [LISTA]

Da mesma maneira, Todd Phillips disse à Comic Book que uma das intenções de Coringa é fazer o público questionar a realidade e que não às perguntas dos espectadores faz parte da diversão do filme.

"Eu não quero dizer se é real ou não, porque eu acho que faz parte do diversão. Eu mostrei para muitas, muitas pessoas diferentes e todas elas tiveram uma reação diferente. Algumas delas disseram: 'Ah, eu entendi. Quero dizer, a última frase do filme, você não entenderia, a piada que ele estava contando. Bom, a piada é o filme? A piada é a coisa?' A ideia é que você não gosta de responder essas questões, porque é legal ver as diferentes coisas que as pessoas tiram disso."