Joaquin Phoenix sofre ataques de fazendeiros por discurso pró-vegano no Oscar 2020

O ator criticou a produção de leite - e os profissionais da área acreditam que ele não saiba como é feito o processo no campo

Redação Publicado em 11/02/2020, às 18h05

None
Joaquin Phoenix discursa após receber Oscar por Coringa em 2020 (Foto: Chris Pizzello/Invision/AP)

Joaquin Phoenix ganhou o Oscar 2020 de Melhor Ator por seu papel como Arthur Fleck em Coringa, filme de Todd Phillips. No palco, fez do discurso um apelo por aceitação, evolução, perdão e amor - e sobre direitos dos animais. Criticou a produção de leite, e provocou revolta da Federação Nacional de Produtores de Leite dos EUA. 

Em entrevista ao Milwaukee Journal Sentinel, o porta voz da organização, Alan Bjerga, criticou o posicionamento do astro de Coringa:

+++ LEIA MAIS: Coringa é o bicho-papão do Oscar: Todos os filmes do personagem ganharam estatueta

“Temos um país livre, com liberdade de expressão, mas desejamos que Joaquin Phoenix converse conosco, porque se ele aprendesse, aprenderia muito sobre o compromisso que os fazendeiros têm com o bem-estar animal”.

No discurso do Oscar, Phoenix disse somos uma "espécie tem o direito de dominar, controlar, usar e explorar outros sem impunidade [...] Nos sentimos no direito de inseminar artificialmente uma vaca e então roubar seu bebê quando ele nasce, mesmo que seus gritos de angústia sejam perceptíveis. E então bebemos o leite que é destinado ao bezerro e colocamos em nosso café e cereal."

+++ LEIA MAIS: Oscar 2020: Joaquin Phoenix discursa sobre temas urgentes: 'Devemos usar nossas vozes para os que não têm voz'

Vegano, Joaquin Phoenix levanta a bandeira dos direitos dos animais, como enfatizou Bjerga: “Esta não é a primeira vez que ele faz comentários como esse, mas ganha mais destaque porque estava em um discurso do Oscar”.

+++ LEIA MAIS: Joaquin Phoenix comemora vitória no Oscar na calçada com a noiva e hambúrguer vegano

+++ A MALDIÇÃO DO CORINGA, COM JOAQUIN PHOENIX, HEATH LEDGER, JACK NICHOLSON E MAIS: