John Lydon, ex-vocalista do Sex Pistols, lançará nova autobiografia

Em 1994, músico já havia publicado o livro No Irish, No Blacks, No Dogs, que recontava a vida dele

Redação Publicado em 16/02/2014, às 13h52 - Atualizado às 13h52

John Lydon / Johnny Rotten
AP

A vida de John Lydon, também conhecido como Johnny Rotten, lendário vocalista do Sex Pistols, será recontada pela segunda vez em uma nova autobiografia, que será lançada pela editora Simon & Schuster. As informações são do site especializado The Booksellers.

Arquivo RS: Cara a Cara com o Sex Pistols.

“Este livro basicamente contará a vida de alguém que realmente gostava de se arriscar”, disse Lydon, que também liderou a banda Public Image Ltd., após o desmantelamento precoce do grupo punk que chacoalhou o Reino Unido e se desfez durante a primeira turnê nos Estados Unidos.

Ícones do post-punk e new wave, entre eles John Lydon, se tornam super-heróis.

“Desde meados dos anos 1970, ele [Lydon] inspirou musicalmente e politicamente. A minha vida mudou depois que eu vi o Sex Pistols em 1977 e publicar o livro de John será um sonho se tornando realidade”, disse a editora Kerri Sharp. “Terá um olhar maduro para o passado de uma das vidas mais extraordinárias.”

Lydon será responsável pelos textos ao lado do jornalista musical Andrew Perry. Na primeira biografia, chamada No Irish, No Blacks, No Dogs e lançada em 1994, o músico trabalhou ao lado de Kent e Keith Zimmerman.

A previsão da editora é que a publicação, ainda sem título, chegue às prateleiras em outubro deste ano.