John Lydon responde após perder processo para os Sex Pistols: 'Destrutivo para banda'

O vocalista John Lydon, da banda Sex Pistols, não queria liberar músicas do grupo para a série 'Pistol', do diretor Danny Boyle

Redação Publicado em 31/08/2021, às 17h55 - Atualizado às 18h55

None
Johnny Rotten (Foto:Getty Images / Ben A. Pruchnie)

O vocalista John Lydon, também conhecido como Johnny Rotten, da banda Sex Pistols, perdeu recentemente um processo contra seus ex-companheiros de grupo. O cantor inglês se recusava a licenciar as músicas da banda para a série Pistol, do diretor Danny Boyle, para a Disney

O advogado Edmund Cullen, do lado oposto de John Lydon, e que representou o guitarrista Steve Jones e o baterista Paul Cook, alegou que um acordo de banda feito em 1998 afirmava que as decisões sobre os pedidos de licenciamento poderiam ser determinados com base nas “regras da maioria”.

+++LEIA MAIS: Johnny Rotten é excluído de série sobre Sex Pistols por ser ‘difícil de trabalhar’

Após perder o caso, John Lydon desabafou em seu site: "Eu sou o vocalista e compositor, vocalista, imagem e o que você quiser. Eu estive lá. Como isso não é relevante? É espantoso para mim. É tão destrutivo para o que a banda é, então temo que todo o projeto possa ser extremamente negativo."

O cantor de 65 anos prosseguiu: "Por mais de 23 anos, os Sex Pistols operaram com base na tomada de decisão unânime. A produção da Disney é a primeira vez que a abordagem unânime é ignorada. É decepcionante que um juiz do Tribunal Superior tenha decidido que John Lydon está vinculado por um acordo sem data assinado em 1998, que impõe aos Sex Pistols um acordo de regra de maioria no lugar do processo de tomada de decisão unânime que tem sido seguido por 23 anos."

Na declaração, o cantor alegou que não sabia sobre o uso de músicas do Sex Pistols na série até poucas horas antes de ser anunciada. "Como alguém pode pensar que isso [a série] pode prosseguir sem me consultar e lidar com minha vida pessoal nisso, e meus problemas nisso, sem nenhum contato significativo comigo antes que o projeto seja anunciado para o mundo? Eu não acho que existem palavras que eu possa usar para explicar o quão falso isso é." 

+++LEIA MAIS: Contrato com Sex Pistols é como 'trabalho escravo', diz Johnny Rotten

As informações são do The Guardian


+++ CONFIRA TUDO SOBRE A BANDA 5 SECONDS OF SUMMER!