Pulse

VMA 2019: John Travolta confunde drag queen com Taylor Swift e quase entrega prêmio para a artista errada

O ator confundiu a vencedora do prêmio de melhor vídeo do ano com Jade Jolie, estrela de RuPaul’s Drag Race

Redação Publicado em 27/08/2019, às 09h19

None
John Travolta. (Foto: Reprodução)

Momentos polêmicos, vexames e memes prontos já viraram tradição no VMA. E esse ano não foi diferente. Quando John Travolta anunciou Taylor Swift como vencedora da categoria de melhor vídeo do ano por "You Need To Calm Down", um pequeno deslize foi percebido pelos olhos da internet.

O ator confundiu a cantora com a drag queen Jade Jolie, do programa RuPaul’s Drag Race, que interpreta Taylor no clipe premiado. Ela subiu ao palco junto com outras artistas que participaram do vídeo e, na inocência, o astro de Pulp Fiction foi entregar o prêmio para ela, que elegante e discretamente recusou a estatueta.

Mais tarde Travolta se defendeu, e disse que as duas têm feições semelhantes e por isso cometeu o erro. Porém essa não é a primeira vez que ele comete um deslize indelicada. No Oscar de 2015, curiosamente, anunciou a vencedora Idina Menzel, mas pronunciou "Adele Dazeem".

Apesar disso, Taylor Swift subiu ao palco para receber o prêmio e aproveitou seu discurso para pedir que a Casa Branca assinasse a petição Equality Act em apoio aos direitos LGBTQ+.

"No final desse vídeo teve uma petição para o Equality Act, que basicamente diz que todos nós merecemos direitos iguais perante a lei [...] Eu quero agradecer a todos que apoiaram a petição, porque agora ela tem meio milhão de assinaturas, isso é cinco vezes mais do que é preciso para exigir uma mandado de resposta da Casa Branca", disse a cantora.

Veja abaixo o momento da gafe na premiação:

 

+++ De Djonga a Metallica: Scalene escolhe os melhores de todos os tempos