Jordan Peele não pretende fazer um filme com protagonista branco

"Não que eu não goste de pessoas brancas, mas esse filme eu já vi", disse o diretor

Redação Publicado em 27/03/2019, às 13h15

None
Jordan Peele (Foto:Joel C Ryan/Invision/AP)

Apesar do imenso sucesso de Nós, novo filme de Jordan Peele, o diretor não tem passado seus dias sem fazer nada, sentado em uma poltrona e colecionando elogios.

Na última segunda, 25, ele participou de um evento no Upright Citizens Brigade Theatre, em Los Angeles, no qual conversou com jovens estudantes de teatro sobre sua trajetória e planos para o futuro.

No meio de sua palestra de aproximadamente uma hora e vinte de duração, o cineasta falou que, para dirigir um filme, é necessário "contratar as pessoas certas, ouvir o que elas tem para dizer e ajudá-las a fazer o melhor trabalho possível".

Corra! (2017) foi o primeiro filme que ele escreveu e dirigiu, e trabalhou no roteiro durante vários anos. Ao longo desse processo ele admitiu que, a cada duas semanas, olhava para aquilo que tinha escrito e pensava: "Que porra eu estou fazendo? Um filme sobre um negro vítima de um monte de brancos malvados, e ainda quero que o público se divirta. Mas o que me fazia voltar para escrever mais era a ideia de que conseguir fazer as pessoas se divertirem com isso".

Com o lançamento e consequente sucesso de Nós, seu segundo filme autoral, Peele revelou um de seus principais objetivos enquanto ainda fizer parte da indústria cinematográfica: priorizar atores negros para serem os protagonistas.

"Me sinto sortudo de estar na posição em que posso dizer para a Universal: 'Quero fazer um filme de terror de US$ 20 milhões sobre uma família de negros'. E eles respondem sim", acrescentou.

Ele garantiu também que essa é uma fórmula que não pretende mudar. "Não vou escolher um cara branco para ser protagonista do meu filme. Não que eu não goste de pessoas brancas, mas esse filme eu já vi."