José Padilha desmente que Michael Fassbender será o novo RoboCop

“Eu não discuti esse filme com nenhum ator ainda”, revelou o diretor em entrevista na última terça, 27

Redação Publicado em 28/09/2011, às 10h33 - Atualizado às 10h54

José Padilha
AP

O diretor José Padilha, responsável por Tropa de Elite 1 e 2, desmentiu na última terça, 27, a afirmação de que teria cogitado o ator Michael Fassbender (X-Men: Primeira Classe) como o novo RoboCop. Segundo o diretor, foi tudo exagero por parte de um jornalista holandês. A entrevista foi cedida ao site IFC.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

“Eu estava conversando com um cara holandês, porque Tropa de Elite 2 estreou por lá, e ele queria falar sobre RoboCop por causa de [Paul] Verhoeven [diretor do RoboCop original]”, esclareceu Padilha. “Então ele me perguntou: ‘Quem será o RoboCop?’. Eu disse: ‘Eu não sei’. Então ele disse: ‘Que tal Fassbender?’, daí respondi: ‘Acho ele ótimo’. E foi apenas isso.”

Apesar de dar fim aos boatos, Padilha não descarta totalmente a possibilidade de ter o ator como protagonista do remake, filma originalmente em 1987. “Ele é um grande ator”, elogiou o diretor. “Mas existem outros que eu realmente gosto e também poderiam fazer. Posso te dar nomes, como Chris Pine (Star Trek). Mas eu não discuti esse filme com nenhum ator ainda.”

O lançamento do remake de RoboCop está previsto para 2013 e será distribuído pela MGM, e o diretor já pretende começar as filmagens a partir do ano que vem. O filme se passará em Detroit, como no original.