Joss Whedon abusivo obrigou dublê a fazer cena de Flash nos seios da Mulher-Maravilha depois de Gal Gadot recusar

No Twitter, uma youtuber e um fotógrafo acusaram o diretor de ser abusivo com os atores no set de filmagens

Redação Publicado em 03/07/2020, às 08h51

None
Gal Gadot em Liga da Justiça (Foto: Reprodução)

A youtuber Grace Randolph afirmou que Joss Whedon, diretor de Liga da Justiça, insistiu na produção de uma cena específica do filme que reúne os super-heróis da DC Comics: o momento em que Flash cai nos seios de Mulher-Maravilha

No Twitter, Grace escreveu que Gal Gadot se recusou a gravar o momento, por isso o rosto da personagem não é visto na cena constrangedora. Segundo o Omelete, o blog Amino já tinha afirmado em 2017 que a atriz não estava no set de filmagens quando a passagem foi gravada.

+++ LEIA MAIS: Zack Snyder revela ‘Superman do mal’ com uniforme preto em foto do Snyder Cut de Liga da Justiça

Pouco tempo depois, o fotógrafo Jason Laboy respondeu o comentário da youtuber e disse: “Não esqueça de adicionar que ele trancou [a dublê] em uma sala e ameaçou a carreira dela se ela não fizesse a cena. Isso é muito importante e não deveria ser omitido”. 

Os relatos de Grace e Laboy não foram confirmado por ninguém da equipe de produção ou algum ator do elenco, então permanecem como rumores. Contudo, recentemente o Ray Fisher, intérprete de Ciborgue, também fez uma declaração reveladora no Twitter e disse que Whedon tinha um comportamento abusivo no set de gravações

+++ LEIA MAIS: Mulher-Maravilha 1984: 5 descobertas e easter eggs mostrados no novo trailer [LISTA]

O site Omelete ainda relembrou que uma cena parecida já foi feita em outro filme do diretor, Vingadores: Era de Ultron. No longa-metragem, Hulk cai de cara nos seios de Viúva Negra durante uma luta na Torre Stark


+++ RAEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO