Journey doa US$ 350 mil para ajudar vítimas de tufão nas Filipinas

A banda fez a contribuição para auxiliar a população do país onde nasceu o vocalista Arnel Pineda

Rolling Stone EUA Publicado em 18/11/2013, às 11h41 - Atualizado às 13h49

Divulgação/Stephan Solon/Via Funchal

A banda Journey estendeu uma mão para ajudar as vítimas do tufão devastador que atingiu as Filipinas semana passada. A banda anunciou que vai doar US$ 350 mil para auxiliar nos esforços de reconstrução do país e socorro às vítimas. As informações são da agência Associated Press.

O vocalista do Journey, Arnel Pineda, nascido em Manila, implorou ao povo de seu país que “não pare de acreditar” (uma referência à famosa canção da banda “Don’t Stop Believin'”). "A ajuda está a caminho”. A doação vai para o Programa Mundial de Alimentação da Organização das Nações Unidas e deverá ser transformado em 1,4 milhão de refeições. Além da banda, outras organizações fizeram doações, como a Live Nation Entertainment, a agência Creative Artists e o agente da banda, John Baruck. O grupo também está incentivando os fãs a doar para a causa.

O tufão Haiyan chegou às Filipinas no dia 8 de novembro e arrasou cidades inteiras, matando mais de 3.700 pessoas. Mais de 2 milhões de pessoas perderam suas casas, sendo que 400 mil estão em abrigos temporários, de acordo com o canal CNN.

Pineda, que tem feito turnês com o Journey nos últimos seis anos, cantava em bandas cover locais nas Filipinas quando o guitarrista Neal Schon viu um vídeo dele no YouTube e o recrutou para substituir Steve Perry, que deixou a banda em 1998. "O Journey faz muito sucesso nas Filipinas", contou Pineda para a Rolling Stone EUA em uma entrevista de 2012. A entrada inesperada dele para a banda foi relatada no documentário Don't Stop Believin': Everyman's Journey.