Justin Bieber confirma aposentadoria, mas depois muda de ideia

Cantor canadense confirmou que deixaria a música na noite de Natal, pelo Twitter, mas, minutos depois, garante que estará sempre próximo aos fãs

Rolling Stone EUA Publicado em 26/12/2013, às 14h53 - Atualizado às 15h12

Justin Bieber
Jorge Saenz / AP

Estaria Justin Bieber deixando a indústria musical? Durante a noite de Natal, o pop star canadense disse que sim, no Twitter. “Meus queridos beliebers, eu estou me aposentando oficialmente”, escreveu ele, em uma declaração muito parecida com aquela feita por Bieber durante uma entrevista à rádio Power 106.

Febre teen: os 25 momentos mais explosivos de ídolos adolescentes.

Os fãs dele, contudo, podem respirar sossegados, já que Bieber vem enviando mensagens contraditórias sobre a carreira dele desde o início. Menos de 45 minutos depois do primeiro tuíte, ele acrescentou: “A mídia fala muito sobre mim. Eles inventam muitas mentiras e querem que eu falhe, mas eu nunca vou abandonar vocês. Ser um belieber é um estilo de vida”. E, então, concluiu: “Sejam gentis uns com os outros, perdoem-se como Deus nos perdoou com Jesus Cristo. Feliz Natal. Eu estarei aqui para sempre”. Por fim, ele tuitou para promover o filme dele, Believe, lançado nos Estados Unidos nesta quarta-feira, 25.

Uma fonte não identificada ligada ao grupo de amigos do cantor contou ao New York Daily News que os rumores de aposentadoria são “uma piada” e “falsos”. O diretor de Believe John Chu se mostrou simpático ao cantor em uma entrevista recente ao The Hollywood Reporter. “Nós não conseguimos explicar tudo, então, temos que apenas chegar ao fundo do que aconteceu com ele no último ano. Ele passou por uma desilusão amorosa, o que, para uma criança na idade dele, é enorme”, disse ele. “Eu amo o Justin. Ele realmente é um bom garoto. Então, quando o vejo brigando, eu me machuco também.”

O anúncio de aposentadoria também parece vir em um momento esquisito – às vésperas dos lançamentos de um novo filme e um álbum, Journals -, mas surge após um ano cheio de controvérsias por parte do jovem cantor.

Galeria: artistas "desaposentados".

Desde janeiro, surgiu uma foto na qual ele aparece fumando maconha, depois, o astro desmaiou em uma apresentação em Londres, mesma cidade na qual ele ameaçou um fotografo. Bieber ainda abandonou o macaco dele na Alemanha, fez um comentário indelicado ao visitar a casa de Anne Frank e pediu desculpas a Bill Clinton, por ter desfigurado uma fotografia do ex-presidente norte-americano.

Por fim, veio a passagem pela América Latina, que contou com um abandono de palco em São Paulo, um vídeo feito por uma menina que afirmou ter dormido com ele no Rio de Janeiro e, na Argentina, Bieber usou uma bandeira do país para limpar o chão do palco.