Justin Bieber pede desculpas por “varrer” bandeira da Argentina

“Eu amo a Argentina e tive alguns dos meus melhores shows desta turnê lá”, escreveu o cantor

Rolling Stone EUA Publicado em 15/11/2013, às 11h19 - Atualizado às 11h46

Justin Bieber
Joseph Nair / AP

Em um inesperado ato de arrependimento, Justin Bieber se desculpou por ter agido mal com a bandeira da Argentina no sábado, 9, em Buenos Aires. Logo após o show, apareceu na internet um vídeo que mostrava o ídolo teen chutando e “varrendo”, com o pedestal do microfone, a bandeira para fora do palco.

Febre teen: os 25 momentos mais explosivos de ídolos adolescentes.

Em uma sequência de nove tuítes nesta quinta, 14, o cantor de 19 anos expressou remorso pelo seu ato. “Eu não gosto de ter que me defender mas desta vez eu precisava e não tinha a intenção de desrespeitar”, escreveu. Segundo a agência Associated Press, o mau uso da bandeira nacional pode levar alguém a ficar até quatro anos na prisão.

“Ouvi falar o que estava acontecendo comigo na Argentina e fiquei chocado”, disse. “Eu amo a Argentina e tive alguns dos meus melhores shows desta turnê lá. As pessoas jogaram coisas no meu palco durante todo o show e tinha que tirar do palco para que ninguém se machucasse. No vídeo eu vi um sutiã e uma camisa. Fui avisado pela minha equipe de que era uma camisa, mas mesmo que fosse uma bandeira, eu nunca faria nada para desrespeitar a Argentina, as pessoas de lá ou meus fãs. Me desculpe todo mundo que levou minhas ações da forma errada e eu espero que vocês consigam perdoar este erro.”

Mais tarde, em dois tuítes, ele escreveu: “Espero que vocês consigam aceitar isto. Eu amei meu período lá e cantar para vocês e estou ansioso para voltar. Dei o máximo de mim e sei que meus fãs também. ‘Te Amo’”.

A controvérsia que seguiu a jovem estrela pela América do Sul começou assim que ele chegou ao continente, no mês passado. No Brasil, ele apareceu nos jornais por ter grafitado muros e um vídeo feito por uma mulher que supostamente dormiu com ele fez sucesso em todo o mundo. Em São Paulo, ele encerrou prematuramente a apresentação depois de ter sido acertado por um objeto atirado pela plateia.

Justin Bieber decepciona fãs ao encerrar show de forma abrupta em São Paulo.

Já na Argentina, fotógrafos capturaram o cantor sendo levado para uma van que, segundo a agência Associated Press, estava cheia de “jovens garotas”. Ele também encerrou mais cedo um show no país e alegou intoxicação alimentar.

Enquanto isso, a polícia argentina foi atrás de seguranças do cantor que agrediram o fotógrafo de uma casa noturna, que conseguiu na corte uma liminar para evitar que os agressores saíssem do país. O fotógrafo alegou que Bieber aprovou a medida de seus funcionários, e a investigação ainda está em curso.

Bieber ainda tem datas de dois shows para fazer no México neste mês, e desta forma encerrará a tumultuada passagem pela América Latina. Ele então viaja para a Nova Zelândia e Austrália em dezembro.