Justin Timberlake aposenta "Sexyback"

Música foi responsável pela explosão de sucesso do cantor durante o lançamento FutureSex/LoveSounds, de 2006

Da redação Publicado em 20/10/2008, às 15h10

O cantor Justin Timberlake decretou em show na última sexta-feira, 17, a morte do hit "Sexyback", do álbum FutureSex/LoveSounds, de 2006. A música foi responsável por colocar de vez Timberlake nos holofotes da mídia, que na ocasião ainda tentava se libertar de vez do seu passado com a boy band N' Sync.

A apresentação da última sexta-feira foi um concerto beneficente em Las Vegas. Justin teria decretado aquela a última vez que a música seria tocada ao vivo, mas não deu nenhum motivo pela aposentadoria forçada da canção.

Timberlake não é o primeiro artista a aposentar seu grande hit. Foi assim com os Los Hermanos, que renegaram "Anna Júlia", ou com Jacques Brel, que não gostava de sua composição, "Ne Me Quitte Pas".

"Sexyback" deu à Justin um Grammy de melhor música dançante do ano, e o colocou em primeiro lugar na parada da Billboard por sete semanas. Na ocasião do lançamento, a música foi considerada aquela que trouxe de volta a sexualidade à música norte-americana. A imprensa do país não cansou de repetir o trocadilho "He brought the sexy back" ("ele trouxe o sexo de volta") para definir a composição.