Kanye West paga faculdade de filha de 6 anos de George Floyd

O rapper doou US$ 2 milhões de dólares para ajudar as famílias de George Floyd, Ahmaud Arbery e Breonna Taylor - negros assassinados nos Estados Unidos em 2020

Redação Publicado em 04/06/2020, às 18h03

None
Kanye West no Coachella (Foto: Amy Harris/Invision/AP)

Kanye West fez doação de US$ 2 milhões (mais de R$ 10 milhões) para a família de George Floyd, Ahmaud Arbery e Breonna Taylor - todos negros assassinatos nos Estados Unidos em 2020. 

+++LEIA MAIS: Elenco de Brooklyn Nine-Nine doa US$ 100 mil para organização que arrecada fundos para pagamento de fianças

Em entrevista à rede americana CNN, um representante do rapper explicou que a doação de West inclui o financiamento para o pagamento de advogados para os familiares de Arbery e Taylor.

Além disso, Kanye West estabeleceu um 529 Plan para Gianna Floyd, filha de George Floyd. O plano consiste em uma forma de guardar dinheiro para pagar inteiramente pela educação superior da menina, atualmente com seis anos.

+++LEIA MAIS: Kanye West nega que tem US$1 bilhão: diz que tem bem mais de US$ 3 bilhões, na verdade

Diversas celebridades e empresas estão apoiando os protestos do movimento Black Lives Matter, iniciados após o assassinato de George Floyd por um policial branco. Famosos, como Kanye West, fizeram doações e declarações contra o racismo estrutural e a violência policial.

As doações de West também ajudarão a família de outras vítimas. Breonna Taylor foi morta pela polícia no próprio apartamento em março de 2020, com 26 anos. Ela levou 8 tiros pois policiais acharam ser um ponto de tráfico. Ahmaud Arbery foi assassinado em fevereiro deste ano por dois homens brancos enquanto se exercitava na rua. 

+++LEIA MAIS: John Boyega, de Star Wars, faz discurso em protesto Black Lives Matter: ‘Não sei se terei uma carreira depois disso, mas f*da-se’


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE