Keith Moon, do The Who, pagou nove táxis para fecharem a rua, para que ele pudesse destruir um quarto de hotel

Baterista era conhecido pelo comportamento excêntrico

Redação Publicado em 30/04/2020, às 12h13

None
Keith Moon (Foto: AP)

Keith Moon se tornou conhecido, além da genialidade musical, pela personalidade excêntrica e comportamento selvagem. O baterista do The Who gostava especialmente, além de quebrar guitarras, de destruir quartos de hotel por onde passava. Certa vez, chegou a pagar taxistas para fecharem a rua e seguir com a “diversão”, como lembra a Far Out Magazine.

Durante uma turnê pelos Estados Unidos, o nível de tédio de Moon chegou ao máximo em Nova Iorque. Em 30 de abril de 1976, o músico teve uma ideia perfeita para resolver o problema. Com o bolso cheio de dinheiro, pagou nove taxistas, cem dólares cada, para bloquear a rua do hotel e garantir a segurança dos pedestres enquanto destruía o quarto no qual estava hospedado. Moon jogou todos os itens pela janela.

+++ LEIA MAIS: Pete Townshend pede desculpas por ter dito que agradeceu a Deus quando Keith Moon e John Entwistle morreram

"Quando você tem dinheiro e faz o tipo de coisa que gosto, as pessoas são risada e dizem que você é excêntrico, uma maneira educada de dizer que você é louco pra c**alho"; comentou Moon sobre o comportamento.

Em 2019, Pete Townshend, guitarrista e vocalista do The Who, se arrepende de muitas atitudes rock n' roll do passado. "Pensava ‘que imbecil. Que perda de tempo'", contou. 


+++ RUBEL | MELHORES DE TODOS OS TEMPOS EM 1 MINUTO