Keith Richards diz que nunca ouviu os discos solo de Mick Jagger: "Eles são sobre ego"

O vocalista dos Rolling Stones lançou quatro álbuns em carreira solo, o último deles é Goddess in the Doorway

Redação Publicado em 01/12/2015, às 11h06 - Atualizado às 13h30

Rolling Stones - Galeria Shows
Reprodução / Facebook Oficial

A enxurrada de provocações de Keith Richards se voltou mais uma vez para um de seus companheiros na banda Rolling Stones, Mick Jagger. Em entrevista à GQ, o guitarrista questionou os discos solo de Jagger e disse não dar atenção para o conteúdo deles.

As 10 melhores músicas de Keith Richards.

“O que ele fez, dois álbuns? She’s the Boss (1985) e Primitive Cool (1987)?”, perguntou Richards, se esquecendo de Wandering Spirit' (1993) e Goddess in the Doorway (2001), as outras duas gravações solo de Jagger.

Parcerias inesperadas de Mick Jagger.

“Eles [os álbuns] tinham algo a ver com ego. Ele [Jager] não tinha realmente nada a dizer”. Ao saber que o entrevistador nunca tinha ouvido estas músicas, o veterano respondeu: “Nem eu. Vou deixar isso assim mesmo”.

Rolling Stones em dez videoclipes.

O guitarrista, que em 2015 lançou Crosseyed Heart, seu primeiro disco solo em 20 anos, falou sobre os próprios trabalhos. “Nunca pensei em gravar como uma forma de ficar famoso ou lançar um manifesto. Só queria fazer bons discos com bons músicos, tocar com os melhores e aprender.”

Os Rolling Stones (que virão ao Brasil para uma série de shows em fevereiro de 2016) devem gravar em breve um novo álbum – “Só gravei porque Jagger não estava trabalhando conosco”, disse Richards sobre Crosseyed Heart. Segundo Ronnie Wood, o grupo pode começar a entrar em estúdio neste mês de dezembro.