Keith Richards revela quando passou a admirar Mick Jagger nos Rolling Stones

A relação entre o guitarrista e o vocalista nem sempre foi das mais tranquilas

Redação Publicado em 25/03/2019, às 13h50

None
Keith Richards (Foto:Sipa/AP Images)

Em uma entrevista recente ao Wall Street Journal, Keith Richards falou sobre a relação conturbada que teve no início com Mick Jagger, seu companheiro de Rolling Stones, e o momento que o fez admirar o cantor.

O guitarrista disse que só percebeu realmente o quão valiosa e importante era a atitude do vocalista quando começou sua carreira solo como Keith Richards and the X-Pensive Winos, banda ativa entre 1988 e 1992.

Ele lembra que foi nessa época  que aprendeu a dar “muito mais valor ao trabalho do Mick. Ser o líder de uma banda é frenético. É constante. Foi o que tive que aprender. E o Mick realmente sabe como fazer isso.”

“Para mim, o maior desafio foi descobrir como cantar como um frontman. Durante todos os anos dos Stones, eu só chegava perto do microfone para cantar umas palavras, e depois já saía”, refletiu.

Richards lembra também da dificuldade que enfrentou para encontrar sua postura de líder na primeira música em que trabalhou fora dos Stones: “Em 'Take It So Hard' precisei encontrar uma forma de lidar com isso. Aprendi muito sobre ser um vocalista.”