Kiko Loureiro fala sobre polêmica de David Ellefson e turnê do Megadeth [ENTREVISTA]

Kiko Loureiro revela como reagiu ao escândalo sexual envolvendo David Ellefson e adianta sobre turnê do Megadeth com novo baixista

Itaici Brunetti Publicado em 15/07/2021, às 12h41

None
Kiko Loureiro (Foto: Ifusha Kalina)

O guitarrista Kiko Loureiro já está aquecendo as mãos para retornar aos palcos com o Megadeth. A banda de Dave Mustainetem turnê agendada pelos EUA e Canadá em agosto e setembro de 2021 e apresentará um novo baixista, substituto de David Ellefson, demitido do grupo após polêmica sexual. 

Até o momento, o novo integrante é um mistério para os fãs do Megadeth. "Ainda não posso revelar quem será o baixista porque não tenho a confirmação 100% de quem é", diz Kiko Loureiroà Rolling Stone Brasil. "Dei as minhas sugestões [de músicos], mas tem várias coisas que têm que contar, como afinidade musical e disponibilidade. Mas, a decisão final será anunciada oficialmente no dia certo," afirma o guitarrista de 49 anos. 

+++LEIA MAIS: Baixista David Ellefson é desligado do Megadeth após escândalo sexual

Sobre retornar à estrada após mais de um ano e meio sem fazer shows devido à pandemia do coronavírus, o músico compara a situação de si próprio com a dos futebolistas. "Penso que é igual ao futebol. Estamos sem ritmo de jogo e precisamos entrar em forma. Normalmente, fazemos apenas uns três ou quatro dias de ensaios antes de iniciarmos as turnês quando estamos no ritmo, mas dessa vez teremos uns ensaios mais longos, com mais dias ensaiando." revela. 

Da turnê, Kiko se mostra curioso e sem saber como serão os protocolos contra Covid-19 nos shows: "Será uma surpresa. Vamos estar de máscara toda hora no camarim? E no backstage? Provavelmente, mas não sei como será. O meet and greet, por exemplo, também não sei como vai ser."

Vale ressaltar que, embora o número de infectados por Covid-19 voltou a crescer nos EUA nos últimos dias, o ritmo de vacinação no país aumentou muito nos últimos meses, fazendo com que a taxa de mortalidade caísse. Ao todo, 48% dos americanos já estão vacinados, informa o site Our World in Data

Caso de David Ellefson

Recentemente, David Ellefson, baixista do Megadeth, teve vídeos íntimos vazados na internet de uma interação online com uma fã em que o músico aparece se masturbando e fazendo gestos obscenos. O perfil no Twitter que divulgou as imagens alega que as conversas aconteciam desde que a garota tinha 17 anos. 

No entanto, em resposta às acusações de ter assediado uma menor de idade, a moça usou as próprias redes sociais para explicar a situação. Ela revelou ser maior de idade quando tudo aconteceu e admitiu que foi ela mesma que enviou os vídeos de Ellefson para um amigo, que compartilhou com outras pessoas sem o seu consentimento.

A polêmica ganhou enorme repercussão na mídia e nas redes sociais culminando na demissão de David Ellefson do Megadeth, que era integrante da formação original do grupo.

+++LEIA MAIS: ‘Impossível trabalharmos juntos,’ diz Dave Mustaine sobre saída de David Ellefson do Megadeth

"Fiquei sabendo através da própria postagem dele [David Ellefson]", contou Kiko Loureiro sobre o caso envolvendo o parceiro de banda. "Liguei para ele no dia seguinte e me coloquei a disposição para conversar. 'Se precisar, me liga', disse a ele. Mas essa é uma área que eu não sei, porque não tenho vivência nesse tipo de coisa", completa o brasileiro. 

Dias depois, Ellefson procurou o guitarrista. "Ele veio falar comigo uns cinco dias depois. Nós conversamos e fiquei acompanhando o caso. A sociedade está em outro momento e ninguém sabia o que isso poderia virar. Mas deixei para ele lidar da melhor forma. Ele é adulto e sabe o que é o melhor a fazer."

Kiko Loureiro também conta que em certo momento teve receio de, por estar na mesma banda de David Ellefson, pudesse vir a ser incluído na polêmica. "Eu nunca vi ele fazendo nada disso nas turnês. Mas, como estávamos juntos em turnês, também fiquei com medo de me botarem no bolo. Então, me afastei um pouco disso.", finalizou.

+++LEIA MAIS: Da guitarra aos negócios: Kiko Loureiro ensina artistas a alcançarem sonhos em novo livro [ENTREVISTA]

Em 10 de julho, Kiko Loureiro lançou o livro Negócios para Criativos [Editora Gente], em que exibe todo o seu conhecimento em music business adquirido nos últimos anos para ensinar artistas a alcançarem seus sonhos e vontades. 


+++ OS 5 DISCOS ESSENCIAIS DE BOB DYLAN | ROLLING STONE BRASIL