Rolling Stone
Busca
Facebook Rolling StoneTwitter Rolling StoneInstagram Rolling StoneSpotify Rolling StoneYoutube Rolling StoneTiktok Rolling Stone

Kim Kardashian teria autorizado vazamento de sex tape em 2007

Email divulgado pelo TMZ, mostra que Kin Kardashian estava ciente do vazamento

Redação Publicado em 13/09/2022, às 16h05

WhatsAppFacebookTwitterFlipboardGmail
Kim Kardashian (Foto: reprodução: Instagram)
Kim Kardashian (Foto: reprodução: Instagram)

Kim Kardashian teria feito um acordo sobre o vazamento de sua sex tape em 2007 com o ex namorado Ray J. Segundo um email divulgado pelo TMZ,Kim teria sido informada por Steve Hirsch, chefe da Vivid Entertainment, companhia responsável pela distribuição da filmagem, informando a renda de US$ 1,4 milhão com o vazamento, o equivalente a R$ 7,1 milhões na cotação atual (via Uol Splash).

A sex tape foi a público em março de 2007 e na ocasião, Kim Kardashian entrou com uma ação contra a Vivid, alegando que não autorizou a distribuição do vídeo. O caso foi arquivado em abril de 2007.

Em uma publicação recente no Instagram Ray J afirmou que o vídeo foi vazado propositalmente Kim Kardashian e sua mãe, além de nunca ter tido acesso as gravações. Na publicação, ele mostrou prints de supostas conversas com Kim e até o contrato que a empresária assinou com a Vivid Entertainment, permitindo que a companhia segue com a divulgação do vídeo.

"Você sabe o que fez! Sua mãe controlou todo o negócio da sex tape com Joe Francis e Steve Hirsch [empresários da Vivid]. Foi sua ideia colocar o vídeo na Vivid. Tudo o que eu fiz foi concordar", diz Ray J em uma das mensagens supostamente enviada à Kardashian.

Kanye West 'comemora' término de Kim Kardashian e Pete Davidson

Após notícias de que o relacionamento de Kim Kardashian e Pete Davidson teria acabado, Kaney West, cantor e ex-marido de Kardashian, foi ao Instagram supostamente comemorar o ocorrido com uma manchete falsa do New York Times. Além disso, o rapper aproveitou para criticar Kid Cudi.

A publicação em questão mostra uma primeira página de um jornal do New York Times com uma manchete que diz como "Skete Davidson," como West se refere ao ator e comediante, "morto aos 28 anos."

+++LEIA MAIS: Kanye West é processado após supostamente não pagar taxas por cancelar apresentação no Coachella

Sobre Kid Cudi, aparece pequenas letras abaixo da grande manchetes que dizem: "Cudi pretendia brincar de funeral, mas com medo de atiradores de garrafas." Isso é uma referência ao dia em que Kid Cudi saiu do palco no Rolling Loud após pessoas do público gritar por Kanye West repetidamente.