Pulse

Kit Harington revela o destino final de Jon Snow em Game of Thrones

O público ficou dividido sobre futuro do personagem envolvendo mistério na cena final

Redação Publicado em 22/08/2019, às 09h00

None
Kit Harington como Jon Snow em Game of Thrones (Foto: Reprodução)

Game of Thrones deixou muita gente brava e um punhado de mistérios no término da série. Entre eles está o destino de Jon Snow, interpretado por Kit Harington.

A última cena de Snow mostra ele de volta à Patrulha da Noite no Castelo Negro. Apesar de ter sido mandado de volta, o grupo da Patrulha não existe mais. Na fortaleza, Jon encontra apenas o amigo Tormund e mais integrantes do Povo Livre. Com isso, Snow aparece indo para além da Muralha com os selvagens e deixando Westeros.

+++ LEIA MAIS: Game of Thrones: Kit Harington ficou decepcionado que Jon Snow não matou o Rei da Noite

O final aberto do personagem deixou o público confuso e irritado. Afinal, ele estava indo viver com o povo selvagem? Kit Harington deu a entender que sim.

“Vê-lo ir para além da Muralha e voltar para algo verdadeiro, honesto e puro com essas pessoas que sempre lhe disseram que ele tinha um lugar entre eles… Isso me dá a sensação de que Jon está finalmente livre,” disse o ator em entrevista para a revista norte-americana The Hollywood Reporter.

+++ LEIA MAIS: George R.R. Martin se sente livre após o fim de Game of Thrones

Harington continua: “Em vez de ser punido e mandando para a Muralha, parece que ele foi libertado. Foi um final bacana. Mesmo que ele tenha feito uma coisa horrível [matar Daenerys] e tenha sentido toda a dor, o real final dele era finalmente ser liberto”.

O término da história de Jon Snow, portanto, mostra o Lobo Branco deixando para trás todo o passado envolvendo Westeros e a Patrulha da Noite.

+++ LEIA MAIS: Batalha entre Arya e Rei da Noite é explicada por diretor de Game of Thrones

Game of Thrones, da HBO, terminou na oitava temporada. A série foi indicada para 32 Emmys, incluindo Kit Harington indicado como Melhor Ator em Série de Drama.

+++ De Djonga a Metallica: Scalene escolhe os melhores de todos os tempos