Lady Gaga não vai suavizar show, diz empresário

Troy Carter rebate protestos depois de apresentação cancelada na Indonésia

Rolling Stone EUA Publicado em 25/05/2012, às 14h39 - Atualizado às 15h02

5º - Lady Gaga
AP

O empresário de Lady Gaga, Troy Carter, disse que a cantora não vai suavizar o tom de seu show, mesmo que isso a impeça de tocar em algumas cidades durante a passagem dela pela Ásia. A informação é da Associated Press.

Lady Gaga estampou a capa da Rolling Stone três vezes. Clique aqui para ler a íntegra das entrevistas.

O jornal indonésio The Straits Times publicou nesta sexta, 25, que, segundo Carter, Gaga não é gratuitamente provocativa e continuará fazendo o show do modo como ele foi concebido.

As declarações chegam uma semana depois de Gaga ter sido forçada a cancelar uma apresentação com ingressos esgotados em Jacarta, Indonésia. A permissão para o evento foi negada depois de protestos de líderes islâmicos e políticos conservadores, que temiam que a performance da cantora pudesse “corromper a juventude” da nação. Devido a ameaças de violência contra a própria cantora, a polícia local afirmou que não teria condições de fazer a segurança dela e do evento, e recomendou a suspensão da liberação do show.

A Indonésia não é o único lugar em que Gaga tem enfrentado problemas com a turnê Born This Way Ball. Em um show em abril, em Seul, protestos similares de grupos cristãos forçaram o evento a ser permitido apenas para adultos. E no último domingo, 20, a artista chegou a Manila, capital das Filipinas, sob protestos de um grupo chamado Biblemode Youth Philippines.

Ruben Abante, um dos protestantes, disse à AP: “Ela mostrou uma visão distorcida de Jesus Cristo e, para nós, cristãos, isso é ofensivo... a música dela e tudo nela não condizem com nossos valores”.

Gaga falou sobre os problemas no Twitter, dando a entender que até pode promover mudanças. Na última terça, ela afirmou que se Jacarta permitir a realização do show, marcado para 3 de junho, ela se apresentará sozinha. Depois, escreveu: “E não se preocupem, se eu for presa em Manila, Beyoncé virá pagar minha fiança. Noite 2 esgotada nas Filipinas. Amo aqui!”