Lana Del Rey: “Dormi com vários caras da indústria musical, mas nenhum me ajudou a conseguir um contrato”

Cantora fez um contraponto à música “Fucked My Way Up to the Top”, do novo disco dela

Redação Publicado em 23/07/2014, às 19h23 - Atualizado às 20h53

Lana Del Rey
Reprodução/Facebook

Após ter alcançado pela segunda vez consecutiva o topo das paradas do Reino Unido, com o novo álbum, Ultraviolence, a cantora Lana Del Rey tem ocupado um grande espaço nas manchetes de jornais e sites pelo mundo. Em uma entrevista à revista Complex, ela afirmou: “Você sabe, eu dormi com vários caras da indústria [musical], mas nenhum deles me ajudou a conseguir contratos para os meus discos. O que é irritante”.

Relembre: Lana del Rey, musa polêmica, ficou surpresa com a própria popularidade no Brasil.

A frase surgiu como contraponto à faixa “Fucked My Way Up to the Top”, cuja letra trata deste tipo de relacionamento, com versos como “Lay me down tonight in my diamonds and pearls/ Tell me something like I'm your favourite girl” (“Deite-me em meus diamantes e pérolas esta noite/ Diga-me algo do tipo ‘sou sua garota favorita’”). A canção está presente no segundo álbum de Lana, lançado no último mês de junho, produzido pelo guitarrista e vocalista do Black Keys, Dan Auerbach.

Crítica: Lana Del Rey – Ultraviolence.

A norte-americana contou qual foi o pior conselho que recebeu na vida: “O amor não vem facilmente e esse tipo de relacionamento deve ser um desafio”. Lana ainda comentou que foi dela a iniciativa de terminar recentemente o namoro com o ex-noivo Barrie-James O'Neill, com quem esteve durante três anos.

Lana Del Rey chega ao topo das paradas no Reino Unido pela segunda vez consecutiva.

Recentemente, Lana despertou atenção pelo lançamento de uma “versão do diretor” para o vídeo de “Shades of Cool” ( veja aqui). No novo clipe, dirigido por Jake Nava, a cantora aparenta se afogar em um piscina. Com uma atmosfera melancólica, o vídeo trata da passagem do tempo.

A mudança significativa no clipe ganhou ainda mais repercussão por uma declaração de Lana que não agradou Frances Bean Cobain, filha de Kurt Cobain. Em entrevista ao jornal britânico The Guardian, a cantora afirmou que “gostaria de estar morta”.

Edição 66: fenômeno na internet, a cantora Lana Del Rey ainda não se sente bem no mundo real.

“Eu não quero continuar fazendo isso, mas estou. E o 'isso' quer dizer 'tudo'. É assim que eu me sinto. Eu ficaria assustada caso soubesse que [a morte] está chegando, mas...”, disse a cantora, sem terminar a frase (Veja mais aqui).

Ouça abaixo a música “Fucked My Way Up to the Top”: