Lanterna Verde muçulmano ganha primeira edição

O personagem Simon Braz tem ascendência libanesa

Redação Publicado em 04/09/2012, às 12h22 - Atualizado às 12h23

Novo Lanterna Verde
AP

Simon Braz é o mais novo membro da Tropa dos Lanternas Verdes. Será lançada nesta quarta, 4, nos Estados Unidos, a edição de número 0 do Green Lantern, em mais uma manobra da editora DC Comics para revitalizar seus heróis mascarados.

O novo escolhido pelo anel para ser membro da tropa é descendente de libaneses e mora em Detroit, Estados Unidos, assim como seu criador, Geoff Johns. A capa da nova edição, na qual o herói aparece segurando uma pistola e com tatuagens, gerou polêmica entre os fãs.

Todo o universo da DC foi criado novamente do zero, desde junho do ano passado. E o novo Lanterna Verde é obra de Johns, responsável por revitalizar o personagem em 2004. Ele assina a série Rebirth, com desenhos do brasileiro Ivan Reis, na qual ressuscitou Hal Jordan, interpretado nos cinemas por Ryan Reynolds, em 2011.

Em junho deste ano, a DC já havia anunciado que Alan Scott, o primeiro Lanterna da história, criado em 1940, é homossexual. Saiba mais.