Pulse

Lavar louça e servir mesas: o que faziam os astros de Stranger Things antes da fama?

Primeiros empregos nem sempre são bons - e entre Scoops Ahoy e repórter iniciante, os personagens da série da Netflix bem sabem disso

Redação Publicado em 15/09/2019, às 15h00

None
Joe Keery, Charlie Heaton e Natalia Dyer em Stranger Things (Foto: Reprodução / Netflix)

Natalia Dyer, Charlie Heaton e Joe Keery - mais conhecidos pelos papeis de Nancy, Jonathan e Steve na série da NetflixStranger Things- conversaram com a Capricho sobre algo que todos passamos, e nem sempre é muito agradável: o primeiro emprego. 

Na terceira temporada de Stranger Things, os personagens do trio iniciam a vida adulta e têm trabalhos difíceis: Steve serve sorvete no Scoop Ahoy, usando um uniforme de marinheiro vergonhoso. Jonathan e Nancy trabalham no jornal local; ele como fotógrafo, e ela tentando ser repórter em um ambiente sexista no qual não consegue ser levada a sério. Mas os primeiros empregos dos atores não foram tão ruins assim, como explicaram no vídeo. 

+++ LEIA MAIS: Stranger Things: Teoria bizarra encontra coincidência entre as mortes da série da Netflix 

A começar por Joe Keery, o Steven: “Meu primeiro emprego foi de cumim,” disse, e vendo a confusão de todos, explicou melhor: “É quem organiza e limpa as mesas em um restaurante.” Afirmou que adorava, porque podia passar um tempo se divertindo com os colegas de trabalho - e nada de uniforme-à-Scoop-Ahoy, usava só uma camiseta preta. 

Curiosamente, Dyer (Nancy) e Heaton (Jonathan) também trabalharam em restaurantes. Ela foi garçonete por uns dois meses (“Mas me disseram que eu não tinha o que precisava para seguir nesse ramo,” lamentou), e ele fazia hambúrgueres: “Eu lavava os pratos e tinha que cortar os pães, mas não me deixavam usar a fritadeira. Uma vez não consegui nem cortar os pães direito, então eles me rebaixaram. Fui vender frutos do mar."

+++ LEIA MAIS: Vídeo mostra todos os easter eggs de Stranger Things que você pode ter deixado passar; assista 

Assista ao vídeo aqui.