Led Zeppelin é apoiado por Judas Priest e Linkin Park em caso de plágio de Stairway to Heaven

O processo que acusa a banda de plagiar a música "Taurus", da banda Spirit foi iniciado em 2014 e reaberto em 2019

Redação Publicado em 06/08/2019, às 20h06

None
Jimmy Page e Robert Plant (Foto: Evan Agostini/AP)

Integrantes do Korn, Tool, Judas Priest, Linkin Parke de outras bandas assinaram uma petição à favor do Led Zeppelin depois do júri decidir que um processo de plágio movido contra o grupo em 2014 precisa ser reavaliado. 

O caso inciado em 2014 acusa a banda de plagiar o riff da música “Taurus”, da banda Spirit, em “Stairway To Heaven".  A ordem judicial será reaberta na Justiça de São Francisco no próximo mês. Os réus são o guitarrista Jimmy Page e o vocalistaRobert Plant.

Em 2016, o juiz do caso determinou que a acusação não era pertinente. No entanto, em julho de 2019, o tribunal norte-americano quis voltar atrás na decisão e admitiu que o juíz original não ouviu as duas canções completas por não ter acesso às gravações originais e só decidiu a partir das partituras.

Em resposta à ordem do tribunal, 123 músicos juntaram-se e formaram uma petição em apoio ao Led Zeppelin. O objetivo é “elucidar o efeito da decisão do painel de juízes, sobre todos os compositores, músicos e produtores musicais dos Estados Unidos“, como divulgou a Digital Music News.

Além dos integrantes das bandas de rock, outros músicos aderiram ao abaixo-assinado, como Nile Rodgers, Sean Lennon, Jason Mraz e o compositor Max Martin.

A petição afirma que mesmo com elementos parecidos, caso ambas as canções estejam protegidas pela lei dos direitos autorais, isso cria “uma confusão significativa” e um “risco de sufocar a criatividade e causar litigação excessiva e sem garantias”.

A data marcada para o novo julgamento é 23 de setembro.

+++LISTA: 13 segredos de 'Ladrão', o terceiro disco do Djonga e um dos melhores de 2019