Lemmy sofre com altitude e abandona show do Motörhead nos Estados Unidos

“As pessoas são ótimas, mas o ar é muito rarefeito”, escreveu o grupo britânico em comunicado

Redação Publicado em 28/08/2015, às 11h43 - Atualizado às 11h51

Após o cancelamento do show em São Paulo, o Motörhead subiu ao palco do Estádio do Zequinha, em Porto Alegre, na última quinta, 30.

Ver Galeria
(8 imagens)

O vocalista e baixista Lemmy Kilmister abandonou o palco durante um show do Motörhead novamente na última quinta, 27. Em comunicado no Facebook, a banda confirmou que a apresentação nos Estados Unidos foi “cortada” no meio devido a problemas com a altitude.

Monsters of Rock 2015: a cobertura completa do festival.

“As pessoas são ótimas, mas o ar é muito rarefeito”, escreveu o grupo. “As grandes altitudes tornam difícil a respiração, e é isso que aconteceu com Lemmy, noite passada, em Salt Lake City. Ele se sente muito mal por ter parado a apresentação antes do fim, mas, estando tão alto, ele teve problemas para respirar.”

Lemmy, hoje com 69 anos de idade, foi submetido a uma cirurgia no coração em 2013. Em abril deste ano, ele não pôde se apresentar ao público de São Paulo no festival Monsters of Rock devido a um distúrbio gástrico. Na ocasião, os outros integrantes do trio, Campbell e Dee, tocaram uma jam com o Sepultura – lembre como foi.

O comunicado ainda informa que “Lemmy aprecia a preocupação de todos” e que “os fãs sempre se reanimam!”. Veja abaixo.

The people are great, but the air is just too thin. The high altitude makes it difficult for breathing, and that’s what...

Posted by Official Motörhead on Quinta, 27 de agosto de 2015

Curiosamente, esta sexta-feira, 28, marca o lançamento do novo disco do Motörhead. O 22º álbum de estúdio da carreira do trio chama-se Bad Magic e traz uma curiosa cover de “Sympathy for the Devil”, dos Rolling Stones – ouça aqui.

Segundo o site Blabbermouth, o novo disco do Motörhead foi composto e gravado pela banda completa em estúdio, sendo a primeira vez que isto acontece nesta formação (Lemmy Kilmister no baixo e voz, Phil Campbell na guitarra e Mikkey Dee na bateria).

Monsters Tour: veja como foi show do Motörhead em Porto Alegre.

Na tentativa de dar uma cara de “ao vivo” ao som de Bad Magic, o Motörhead contou com o produtor de longa data Cameron Webb. As gravações aconteceram no estúdio NRG, em Los Angeles, na Califórnia, Estados Unidos. O disco conta com a participação de Brian May, guitarrista do Queen, em outra faixa demoníaca, “The Devil”.

motorheadbadmagiccd_638

Tracklist de Bad Magic

1 – “Victory Or Die”

2 – “Thunder & Lightning”

3 – “Fire Storm Hotel”

4 – “Shoot Out All Of Your Lights”

5 – “The Devil”

6 – “Electricity”

7 – “Evil Eye”

8 – “Teach Them How To Bleed”

9 – “Till The End”

10 – “Tell Me Who To Kill”

11 – “Choking On Your Screams”

12 – “When The Sky Comes Looking For You”

13 – “Sympathy For The Devil” (cover dos Rolling Stones)