Lindsay Lohan é detida por fugir depois de suposto atropelamento

Vítima afirmou que atriz estava embriagada, mas versão foi negada pelos policiais

Redação Publicado em 19/09/2012, às 14h32 - Atualizado às 18h03

AP

Lindsay Lohan não consegue ficar longe de encrencas. Em meio a esforços cada vez mais extremos para colocar sua carreira de volta ao rumo normal, ela foi detida durante a madrugada desta quarta, 19, em Nova York, por fugir depois de ter atropelado um homem enquanto estacionava. As informações são do site TMZ.

Leia textos das edições anteriores da Rolling Stone Brasil – na íntegra e gratuitamente!

A vítima, que segundo relatos tem cerca de 30 anos, alegou que a atriz estava falando enrolado e que exalava cheiro de álcool antes do ocorrido. Câmeras de segurança do hotel The Dream, no centro de Manhattan, registraram o incidente com o Porsche Cayenne e indicaram que o acusador tenha exagerado em seu relato.

Amigos de Lindsay revelaram que ela garante não ter percebido o choque com o homem. Policiais que a encontraram mais tarde também afirmaram não ter notado qualquer sinal de embriaguez da atriz e que assim que foi colocada em custódia pediu para que ligassem para seu pai.

É possível que a detenção desencadeie uma violação da condicional dela, mas antes precisa ficar provada a culpa no caso do atropelamento.

Enquanto isso, Lindsay finaliza sua participação em Liz & Dick, longa para televisão sobre o romance entre Richard Burton e Elizabeth Taylor, e começa as filmagens ao lado de Charlie Sheen em Todo Mundo em Pânico 5.