Live-action de Cowboy Bebop vai diminuir sexualização da personagem Faye, e glamourização do cigarro

Escritor da série falou sobre as mudanças dos personagens

Redação Publicado em 05/06/2020, às 19h02

None
Cowboy Bebop (Foto: Reprodução)

A adaptação live-action da Netflix de Cowboy Bebop não quer um traje sexualizado para Faye como é no anime. Como o Screenrant lembra, a roupa usada pela personagem consiste em shorts amarelos, uma camisa, botas, uma jaqueta vermelha folgada e meias.

+++LEIA MAIS: BoJack Horseman, Big Mouth e mais: 6 séries de animação adulta na Netflix [LISTA]

Em entrevista ao io9, via ScreenRant, o escritor Javier Grillo-Marxuach disse que a Netflixmudou as vestimentas de Faye na adaptação: "Precisamos ter um ser humano de verdade usando isso.". Faye será interpretada por Daniella Pineda. No anime, a personagem tem 23 anos.

Sobre o cigarro, falou: "E enquanto os personagens ainda fumam, o hábito pode ser um pouco menos glamourizado para refletir as sensibilidades modernas."

Cowboy Bebop é considerado perfeito por grande parte do público, mas os personagens não são. Faye é preguiçosa, arrogante e abrasiva, mas também engraçada, inteligente e gentil. Todos os personagens principais têm falhas (eles bebem, fumam, jogam e matam) - e isso possivelmente será bem diferente no live-action.

+++ LEIA MAIS: Quase 18 é a comédia adolescente que fala o que as outras ignoram: depressão, problemas com a mãe e desamparo [ANÁLISE]

Grillo-Marxuach disse que a série irá desenvolver o cânone dos personagens conectando vilões independentes icônicos do anime à história maior e ampliando a narrativa de cada um deles. Mesmo que Faye pareça um pouco diferente, certamente será possível conhecer bem mais dela.


+++ VITOR KLEY | A TAL CANÇÃO PRA LUA | SESSION ROLLING STONE