Live Nation e Ticketmaster anunciam fusão

Produtora de artistas como Madonna e empresa do mercado de ingressos fecham acordo de US$ 2,5 bilhões

Da redação Publicado em 11/02/2009, às 11h25

Foi anunciada nesta terça-feira, 10, a fusão das empresas Live Nation e Ticketmaster. O acordo entre as duas gigantes do mercado musical girou em torno de US$ 2,5 bilhões (cerca de R$ 5,63 bi) e deu origem à Live Nation Entertainment.

Sob os termos do acordo, os acionistas da Ticketmaster receberão 1,384 ação da Live Nation por cada ação que tiverem da própria Ticketmaster. Os empresários que possuem títulos das empresas ficarão com cerca de 50 % da nova companhia, originada da fusão. A Live Nation Entertainment deve gerar cerca de US$ 40 milhões por meio de divulgação e venda de ingressos, entre outras atividades.

Analistas de mercado não veem a fusão com bons olhos, já que juntas, as duas empresas ocupam uma posição de hegemonia no mercado. Na semana passada, quando surgiram boatos do contrato, Bruce Springsteen se pronunciou, afirmando que "não poderia haver nada mais prejudicial para o fã, porque voltaríamos a uma situação próxima ao monopólio na venda de ingressos de música".