Lollapalooza 2018: Kaleo traz rock islandês para o festival

Banda foge do eixo geográfico tradicional do festival

Fernanda Talarico Publicado em 24/03/2018, às 17h53 - Atualizado em 29/03/2018, às 15h35

Kaleo no Lollapalooza 2018

Ver Galeria
(4 imagens)

Os islandeses da Kaleo chegaram para se apresentar no Palco Onix às 15h12 do segundo dia do Lollapalooza. Saídos da Terra do Gelo e pela primeira vez no calorento Brasil, eles não são muito de falar, mas o público aparentou não precisar disso, apenas de ouvir as músicas. Apesar de o grupo não ser tão conhecido por aqui, a plateia se empolgou e dançou com eles, não ligando para o calor quase insuportável que fazia.

O líder da banda, o cantor-galã JJ Julius Son, misturava uma voz naturalmente grossa a alguns agudos. As músicas eram misturas entre folk e rock dançante.

Os fãs cantaram todas as músicas, entre elas “Broken Bones”, “I Can't Go on Without You” e, até mesmo, a tradicional canção “Vór Í Vaglaskógi”, cantada em islandês, idioma que, supõe-se, poucos ali dominavam, mas que todo mundo fez uma tentativa de entoar junto.

Acompanhe a cobertura do Lollapalooza 2018 pelas nossas redes sociais: estamos no Twitter (@rollingstonebr), Facebook (/rollingstonebrasil) e Instagram (@rollingstonebrasil), com resenhas e fotos e stories dos melhores momentos dos shows.

Leia também