Pulse

Lollapalooza 2018: show de Lana Del Rey transborda sensualidade e atitude

Com os hits "Lust for Life", "Videogames", "High by The Beach" e "Blue Jeans", a cantora fez fãs se derreterem

Igor Brunaldi Publicado em 26/03/2018, às 00h23 - Atualizado em 13/04/2018, às 15h57

Lana Del Rey no Lollapalooza 2018

Ver Galeria
(6 imagens)

Foi com uma sensualidade baseada em movimentos delicados, coreografias sutis e letras sinceras que Lana Del Rey hipnotizou a multidão que lotou o palco Onix para vê-la na noite deste domingo, 25. Com a ajuda de versos sinceros e por vezes arrebatadores, a voz da cantora, apesar de leve, aperta o peito.

Histórias de coração partido e de autoafirmação emanaram pelos amplificadores, ganhando força graças ao coro de uma multidão de fãs. Lana, vestida toda de preto, cantou deitada no chão, beijou fã, fez coreografia e exalou confiança e sensualidade com a pose de diva do pop triste. Encarando o tempo todo a plateia à sua frente e sem pestanejar, aproveitou a música "Get Free", que rendeu a ela uma briga judicial com a banda Radiohead, para cutucar o grupo e mencionar o caso: "finalmente posso tocar essa música", disse.

Com os hits "Lust for Life", "Videogames", "High by The Beach" e "Blue Jeans", a cantora fez fãs se derreterem. A participação constante deles, que gritaram várias vezes "Lana, eu te amo", indicam que a escolha de Lana para encerrar o Palco 2 do festival foi um grande acerto de escalação.

Acompanhe a cobertura do Lollapalooza 2018 pelas nossas redes sociais: estamos no Twitter (@rollingstonebr), Facebook (/rollingstonebrasil) e Instagram (@rollingstonebrasil), com resenhas e fotos e stories dos melhores momentos dos shows.

Leia também