Lollapalooza 2019: de frente para o público do Twenty One Pilots, banda E a Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante conquista novos fãs

Entre explosões e calmaria, instrumental do grupo paulistano se beneficiou do tempo ruim e agradou o público que esperava os norte-americanos

Pedro Antunes Publicado em 07/04/2019, às 12h53

None
E A Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante (Foto: Camilia Cara)

As músicas do E A Terra Nunca Me Pareceu Tão Distante não terminam como começam. Da calmaria, elas explodem e, por vezes, terminam assim, no caos.

Assim também se deu a estreia do grupo Paulistano no Lollapalooza 2019, neste domingo, 7, uma performance climática, nublada, entre ventanias e momentos de sossego e contemplação.

Depois de um segundo dia de festival paralisado por mais de duas horas por conta de uma forte chuva, cada gotinha de água que caía era um arrepio na espinha. O grupo tratava de lidar com os riscos com uma estética sonora que aceita superar terrenos perigosos. Sem vocais, sem muletas, criams suas narrativas a partir de pedaços e recortes instrumentais.

A sorte esteve do lado EATNMPTD. Com camadas sonoras de por vezes três guitarras em ação ao mesmo tempo, como uma avalanche de distorção e riffs viciantes, eles deram de frente com o público do Twenty One Pilots, que se apresenta ali somente às 19h25. Com peso, mas sem se perder em melodia, o grupo conquistou mais uns fãs para si ao final do show.

“Ele não é nosso presidente”, anunciaram ao microfone, ao citar Jair Bolsonaro, no fim do show. Mais ovação.